Lugano aprova decisão de não treinar bola aérea para sábado: “Atrai o gol”

Rogério Ceni decretou: não vai treinar jogadas defensivas de bola aérea nesta sexta-feira, véspera da partida contra o Ituano, sábado, às 16h, pelo Campeonato Paulista. O técnico reagiu assim a mais um gol sofrido dessa maneira, dessa vez do ABC, no primeiro minuto do jogo de quarta-feira, em Natal. Parece esquisito, mas Lugano, o mais experiente do grupo, aprova.

O zagueiro afirmou que dedicar atenção excessiva a um aspecto pode ser prejudicial.

– Falamos exatamente isso na saída do campo. Às vezes você trabalha tanto, tanto, tanto numa coisa, que atrai aquilo que você não quer. É melhor encarar com mais tranquilidade. Minha experiência diz que isso pode acontecer. Se você comete um erro muitas vezes e fala muito disso como ele trabalhou, falou, viu, isso chama tragédia. Já aconteceu muito na minha carreira. Achei que a postura do Rogério foi ideal – afirmou o uruguaio, capitão sempre que está em campo.

A única atividade do São Paulo antes do jogo de sábado será disputada nesta sexta-feira, no CT da Barra Funda, às 10h. Ceni vai trabalhar outros aspectos do time, que deverá ter mudanças.

Na zaga, por exemplo, Lugano é um dos quatro à disposição. Maicon ainda não está recuperado totalmente de entorse no tornozelo esquerdo e Rodrigo Caio sofreu problema semelhante diante do ABC. Lyanco não está inscrito no Paulistão. Sobram para Rogério Ceni o ídolo uruguaio, além de Breno, que deverá ser titular, Douglas e Lucão, que ainda não jogou em 2017.

– Estou sempre em condições. Há um ano não falto um minuto a treinos, estou sempre pronto para jogar 90 minutos. Se tiver que ser titular vou entender, se ficar no banco vou entender e se precisar cumprir outra função também farei – disse o zagueiro, que aposta em evolução defensiva a partir do momento em que os jogos decisivos começarem.

– Obviamente preocupa o fato de levar gols. Não é o ideal, não é normal, e tenho certeza que não vai ser o normal do São Paulo ao longo do ano. Quando começarem os jogos de maior atenção, maior preparação mental, o time vai se mostrar mais forte defensivamente e, quem sabe a sorte comece a jogar mais a nosso favor.

 

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*