Lucão pode encarar “fantasma” de Lugano em decisão contra peruanos

A provável ausência de Breno no duelo contra o Universidad César Vallejo, nesta quarta-feira, no estádio do Pacaembu, às 21h45 (de Brasília), deve promover a entrada de Lucão na zaga da equipe, ao lado de Rodrigo Caio. Contestado após más apresentações no ano passado e já com um pênalti na conta neste ano, o defensor é visto com muita desconfiança pelo torcedor. Contra os peruanos, porém, ele pode ganhar mais um agravante para as vaias da torcida: Lugano, já treinando com o grupo, está à disposição para ficar no banco de reservas. Seria a primeira vez do veterano de 35 anos entre os relacionados.

Dessa forma, o garoto de 19 anos, bastante elogiado internamente por não ter sucumbido às críticas no ano passado e ter continuado no clube, pode encarar o “fantasma” do uruguaio. Ídolo incontestável do torcedor, ávido para vê-lo dentro de campo após quase dez anos, o defensor deve ter seu nome gritado a todo momento se estiver entre os suplentes.

A relação de Lucão com os são-paulinos, por sinal, foi comentada até por Rodrigo Caio. Em entrevista recente à Gazeta Esportiva, o titular da retaguarda disse que não entendia as críticas ao garoto e pediu para que os são-paulinos tivesse paciência. “Até o Lugano vai falhar”, ressaltou o jogador. A ideia, dentro do elenco, é passar o máximo de confiança possível a quem entrar na equipe.

“independentemente de quem estiver dentro de campo, a linha defensiva não muda o jeito de jogar. Tenho certeza que será uma linha de quatro bem postada”, afirmou o goleiro Denis, explicando a tranquilidade ao falar sobre a possível presença de Lucão. “É um jogador de qualidade também, que sempre escuta. Podem ter certeza que não vai comprometer”, disse o arqueiro.

Para diminuir a possibilidade de falhas, Bauza já tomou algumas providências. Diferentemente do ano passado, quando era escalado na esquerda, Lucão vai jogar pela direita, deslocando Rodrigo Caio para o outro lado do setor. Lyanco, outra opção, ainda não conquistou a confiança do treinador de que pode encarar os jogos em alto nível. Antes disso, no entanto, todos ainda querem esperar por uma improvável recuperação de Breno.

“Sobre o Breno, nos foi passado que ele está com uma tendinite, sentindo um pouco de dores no joelho. Ficamos um pouco tristes porque ele é um cara que trabalhou até nas férias, perdeu peso, tentando se preparar para a temporada. Mas vamos esperar, temos mais um treino, vamos ver como ele se sente”, apontou Denis.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*