Kaká retorna para fechar mais um ciclo antes de aventura nos EUA

Kaká está de volta ao São Paulo. Depois de 11 anos, o meia retornou ao clube que o revelou no início dos anos 2000 e será apresentado neste domingo, no CT da Barra Funda.

De lá para cá, clubes, títulos e conquistas fizeram parte da vida do jogador, que ficará no Brasil emprestado pelo Orlando City (EUA) por apenas seis meses e depois seguirá para o “desafio” americano.

O São Paulo não prepara uma festa para a chegada do jogador justamente por conta do pouco tempo que ele ficará no país, mas espera que o torcedor lote o Morumbi no dia 19 de julho, provável data que o meia fará sua reestreia. O jogo, válido pelo Campeonato Brasileiro, será contra a Chapecoense.

Ricardo Izecson dos Santos Leite, que passou a ser Cacá e depois Kaká, se destacou no São Paulo pelas arrancadas. Muitos acharam que ele não iria conseguir seguir com essa característica na Europa pelo seu físico, mas o meia ganhou massa muscular e cumpriu com êxito sua passagem pelo Velho Continente, que começou em 2003, quando foi para o Milan (ITA).

Foi na Itália que Kaká obteve suas maiores conquistas, como a Liga dos Campeões e o Mundial de Clubes da Fifa em 2007, que lhe renderam ao jogador o prêmio de melhor do mundo daquele ano.

 

Os anos na Europa lhe renderam também as oportunidades de representar a Seleção Brasileira. Em 2009 foi para o Real Madrid e retornou ao Milan em 2013, mas não repetiu os feitos de sua primeira passagem pelo clube rossonero.

 

Apesar de ter só um título pelo Tricolor (Torneio Rio-São Paulo em 2001), se tornou ídolo dos torcedores do clube do Morumbi, que aguardam ansiosamente sua chegada. Kaká ajudará na sequência do Brasileirão e da Copa do Brasil.

Fonte: Lance

Um comentário em “Kaká retorna para fechar mais um ciclo antes de aventura nos EUA

  1. Não vou esperar muito do desempenho dentro do campo do Kaká nestes seis meses de SP. É lógico que, para o nível do futebol brasileiro jogado hoje, ele, dentro da normalidade, deverá se destacar e nos proporcionar alguns momentos de felicidade neste semestre. Periga é querermos ver o Kaká da primeira passagem no Milan e as torcidas, aquelas que o agrediam quando no SP, novamente “peguem no seu pé” e ele fique infeliz. Aí pode ser que todo o esforço de contratação vai “fazer água”.
    Mas meu palpite é que, se o Murici tiver coragem de deixar o time muito ofensivo, aproveitando as ótimas peças de ataque do elenco, o SP vai ser o campeão brasileiro deste ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*