Jardine revela pedidos de Aguirre na escalação do São Paulo contra o RBB

André Jardine foi o técnico interino do São Paulo na vitória deste domingo, por 3 a 1, de virada, no Morumbi, pela última rodada da fase de grupos do Paulistão. Da tribuna, o novo técnico do time, Diego Aguirre, viu o Tricolor atuar do jeito que pediu àquele que será seu auxiliar fixo. Veja, então, o que o uruguaio solicitou ao interino na partida.

– Aguirre pediu para poupar alguns jogadores que vinham em um desgaste maior. A saída do Rodrigo Caio foi para gente ter pelo menos um zagueiro 100% no próximo jogo, que é decisivo. Outra foi o pedido para o Nenê por trás do Diego Souza e o Caíque – falou Jardine.

O interino foi questionado também sobre como o técnico uruguaio vai encontrar o São Paulo.

– Muito motivado, disputando títulos, convencendo a cada jogo, jogando bem e vencendo – completou André Jardine.

Sobre a partida contra o RB Brasil, o interino falou da importância das experiências feitas.

– Hoje foi um dia importante também pelas experiências. Em conjunto pensamos a equipe que jogaria, já com a presença do Aguirre. Usamos Diego e Tréllez juntos que era uma curiosidade que tínhamos. O Diego por trás como poderia render, o Nenê pelo lado direito. Corríamos o risco de não dar tão certo porque era uma equipe mexida – falou.

– O segundo tempo foi com uma equipe mais leve, com mais profundidade, com o Marcos Guilherme. A insistência de perceber o Diego como centroavante, porque ele tem todas as ferramentas para ser um grande centroavante. Jogando com Nenê por trás e a entrada do Lizieiro somou demais. O time do segundo tempo ficou mais encaixado – analisou.

Na próxima quarta-feira, o São Paulo volta a campo pela Copa do Brasil. Depois de vencer o CRB por 2 a 0 no jogo de ida, no Morumbi, o Tricolor vai até Maceió, quarta-feira, às 19h30, no estádio Rei Pelé, para a partida de volta. Nesse jogo, Aguirre já vai montar a equipe. Se ele vai estar à beira do gramado, depende da saída do visto de trabalho.

– Poder conviver com o Aguirre num ambiente profissional vai ser uma experiência fantástica. Poder contribuir para que as ideias dele deem certo vai ser um período que tenho certeza que vai engrandecer demais a minha carreira. Eu não tenho pressa nenhuma e quanto mais tempo eu desfrutar sendo auxiliar técnico vai ser melhor para minha carreira. Estou muito feliz para iniciar essa caminhada – completou Jardine.

Pelo Campeonato Paulista, o São Paulo vai enfrentar o São Caetano nas quartas de final. A Federação Paulista definirá na terça-feira, em congresso técnico com dirigentes dos oito finalistas, as datas, horários e locais da próxima fase. Já é certo que os duelos serão realizados no próximo fim de semana (ida) e também no meio da semana seguinte (volta).
Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*