Jadson ‘seca’, mas carrasco de Luis Fabiano torce pelo Corinthians

A torcida são-paulina torce por um fim de ano “perfeito”: além do título da Sul-Americana, uma derrota do Corinthians na possível final do Mundial de Clubes, contra o Chelsea, completaria a alegria em 2012. Se por um lado o meia Jadson promete secar o rival, o zagueiro Donatti, do Tigre, responsável pela eliminação de Luis Fabiano na primeira partida da final, mostrou que realmente gosta de provocar: torcerá pelo título corintiano no Japão.

– Creio que o Corinthians vença. Estou no Brasil, então vou torcer para o Corinthians – declarou Donatti, em evento de um dos patrocinadores da Copa Sul-Americana, em São Paulo, nesta terça-feira.

Donatti foi expulso ainda no primeiro tempo do jogo de ida da decisão, na Bombonera, em grande confusão no gramado. Luis Fabiano perdeu a cabeça após ser provocado pelo argentino, e tentou agredi-lo com um chute – os dois levaram o cartão vermelho e não entram em campo no segundo jogo, no Morumbi, nesta quarta. O jogador do Tigre, que pediu desculpas pelo incidente, se disse um admirador do futebol brasileiro.

– Gosto muito do futebol do Corinthians, assim como de outras equipes brasileiras, o estilo de jogo. Espero que vença o Corinthians, gosto muito da maneira como jogam as partidas – disse.

Jadson, por outro lado, não esconde que, em caso de final entre Chelsea e Corinthians, torcerá pelo título do time inglês. O Corinthians estreia no Mundial às 8h30m (horário de Brasília) desta quarta-feira, contra o Al Ahly, do Egito, pela semifinal – na outra chave, o Chelsea enfrenta o Monterrey, do México, manhã de quinta-feira.

– O Chelsea é uma grande equipe. Todas as equipes que estão lá são boas e têm condições de levantar a taça, mas minha torcida é para o Chelsea. Eles têm todas as chances de ser campeões – declarou o meia são-paulino.

 

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*