Invicto em mata-matas pelo São Paulo, Ney Franco tem prova de fogo

O São Paulo tentará neste domingo, contra o Corinthians, no Morumbi, encerrar um retrospecto ruim de seis quedas consecutivas em semifinais do Estadual. E para isso, o Tricolor conta com um trunfo: o técnico Ney Franco.

Desde que chegou ao clube, o treinador são-paulino não sabe o que é ser eliminado em mata-matas. Comandou a equipe no título invicto da Copa Sul-Americana e, nesta temporada, já deixou para trás o Bolívar (BOL), na primeira fase da Libertadores, e o Penapolense, nas quartas do Paulista.

Mas não é só recentemente que Ney tem tido sucesso em torneios desse formato. Antes de ser contratado pelo clube do Morumbi, seu currículo já contabilizava sete títulos importantes, cinco deles com fases de mata-mata.

Na Libertadores-2013, o Tricolor saiu atrás do Atlético-MG com a derrota por 2 a 1 na partida de ida das oitavas de final, na última quinta-feira. Mas o técnico ainda confia em uma classificação e no poder de superação do grupo são-paulino.

– É mais um jogo de superação. É uma forma da gente levantar nosso elenco. Já estivemos próximos de sair e conseguimos continuar. Agora é a mesma coisa. O Atlético-MG tem uma boa vantagem, sabemos que apenas uma vitória não basta. Tem que ser por dois gols. A gente vai à caça disso, à procura disso – disse Ney, após o revés para o Galo no Morumbi.

No Majestoso, porém, o Tricolor não poderá se dar ao luxo de perder, já que nesta fase disputa-se apenas um jogo. Nas duas últimas edições do Paulistão, o time caiu para o Santos com essa mesma fórmula de duelo único. Em 2011, revés por 2 a 0 e, no ano passado, queda por 3 a 1, ambas as vezes no Morumbi.

Melhor campanha da primeira fase do Paulistão, o São Paulo tem o direito de, caso se classifique à final, fazer o segundo jogo da decisão em casa. Antes, terá que superar o Corinthians. E para isso, terá que contar com a manutenção da invencibilidade de Ney Franco.

Ney no São Paulo
São Paulo x Bahia
Primeiro mata-mata de Ney Franco pelo clube. Tricolor supera os baianos por dois placares de 2 a 0 pela Copa Sul-Americana.

São Paulo x LDU de Loja-EQU
Com um empate por 1 a 1 no Equador e outro por 0 a 0 no Morumbi, Tricolor se classifica às quartas de final da Sul-Americana.

São Paulo x U. de Chile-CHI
São Paulo vence os chilenos por 2 a 0 em Santiago e goleia por 5 a 0 no Pacaembu. Na semifinal, pegaria a Universidad Católica.

São Paulo x U. Católica-CHI
Equipe faz o primeiro jogo no Chile e empata por 1 a 1. Na volta, no Morumbi, empate por 0 a 0 e vaga na final com o gol fora de casa.

São Paulo x Tigre-ARG
Tricolor vai à Bombonera, em Buenos Aires, e empata por 0 a 0. No Morumbi, vitória por 2 a 0 em 45 minutos e título da Sul-Americana.

São Paulo x Bolívar-BOL
Pela primeira fase da Libertadores, São Paulo faz 5 a 0 no jogo de ida, no Morumbi, e perde por 4 a 3 em La Paz, assegurando a vaga.

São Paulo x Penapolense
No Paulistão deste ano, Tricolor sofre, mas vence a equipe de Penápolis por 1 a 0 em jogo único das quartas de final da competição.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*