Inglês, técnico do sub-23 do Liverpool deve ser auxiliar de Ceni no São Paulo

Técnico do time sub-23 do Liverpool, licenciado pela Uefa para trabalhar no futebol, autor de nove livros sobre métodos de treinamentos e experiência de 15 anos com jovens de grandes clubes britânicos. Este é Michael Beale, inglês escolhido por Rogério Ceni para ser seu auxiliar no São Paulo. A expectativa é que o acerto seja concluído até a próxima semana.

A relação entre eles se aprofundou na visita de Ceni ao Liverpool, no último mês de setembro, período em que ele fazia o curso da Federação Inglesa para treinadores. O brasileiro esteve com o alemão Jürgen Klopp, que comanda o time principal, mas também conversou com outros integrantes da comissão.

Beale trabalhou de 2003 a 2012 no Chelsea. Lá, foi técnico do sub-14 e responsável pelo desenvolvimento das categorias de base. Em setembro de 2012 assumiu, em função semelhante, as equipes sub-15 e sub-16 do Liverpool. Numa reestruturação, em agosto de 2014, foi promovido a técnico do sub-21. Atualmente, estava no comando do sub-23.

Michael Beale auxiliar Rogério Ceni São Paulo (Foto: Reprodução / liverpoolfc.com)Michael Beale trabalhou por pouco mais de quatro anos no Liverpool (Foto: Reprodução / liverpoolfc.com)

O longo período de convívio com jovens fez com que Michael Beale presenciasse o surgimento de futuros astros. Na última semana, por exemplo, ele celebrou o jovem atacante Ben Woodburn, que, aos 17 anos, tornou-se o mais jovem autor de um gol da história do Liverpool.

Os parabéns de Beale, entretanto, foram dados à distância. É que ele já se encontra no Brasil, e esteve com Rogério Ceni na vitória do São Paulo sobre o Capivariano, por 4 a 0, no domingo passado, em Cotia. Era a primeira partida da final do Campeonato Paulista sub-20.

O novo técnico tricolor assistiu ao jogo ao lado de seu provável futuro auxiliar, do diretor de marketing Vinícius Pinotti e do francês Charles Hembert, profissional de logística que auxilia a seleção brasileira em seus compromissos no exterior e esteve com Ceni tanto no curso de técnicos, na Inglaterra, quanto em seu estágio no Sevilla com o argentino Jorge Sampaoli. Hembert poderá prestar serviços nesta área à comissão técnica do São Paulo.

Assim que o acerto com Beale for definido, ele passará a estudar português. Enquanto isso, ele já atua próximo a Rogério Ceni na elaboração de treinos para a pré-temporada do Tricolor, que será feita, em sua maioria, nos Estados Unidos, para a disputa do Torneio da Flórida.

Treinamento Michael Beale auxiliar Rogério Ceni São Paulo (Foto: Reprodução / Twitter)Em rede social, Beale postou, ainda no Liverpool, sua elaboração de um treino (Foto: Reprodução / Twitter)

É justamente a experiência de Beale na montagem do programa de atividades que chamou atenção do ex-goleiro. O inglês tem nove livros sobre futebol publicados. Em um deles, se diz “desesperado por compartilhar seu conhecimento com técnicos pelo mundo”.

Beale também tem as licenças A e B da Uefa, faltando a ele apenas o estágio final do curso para obter a maior permissão de trabalho possível para um técnico na Europa: a Uefa Pro.

A princípio, Michael Beale, cujo jogador preferido é Steven Gerrard, parado por Rogério Ceni na final do Mundial de Clubes em 2005 na cobrança de falta que ficou famosa, será auxiliar de campo do novo técnico são-paulino ao lado de Pintado, que já faz parte da comissão.

 

Fonte: Globo Esporte

2 comentários em “Inglês, técnico do sub-23 do Liverpool deve ser auxiliar de Ceni no São Paulo

  1. marcos.. a ideia do ceni, acredito eu, que trazendo esse cara como auxiliar é implantar uma filosofia de jogo desde a base até o profissional, como eles fazem na Europa…. é para ganhar experiência, isso que ele esta fazendo é renovação, é inovar, temos que dar o mérito e acreditar que será sucesso grande ele como técnico. Vamos apoiar em vez de criticar !!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*