2 comentários em “Hoje é dia da coluna do Fred Rezende no Tricolornaweb

  1. Boa tarde tricolores,
    estou aqui reproduzindo um post que fiz ontem à noite.
    Hoje passei o dia inteiro, enquanto labutava no meu trabalho, remoendo a atual situação do São Paulo, que já não é tão atual assim uma vez que perdura há 10 anos, e após ler o comentário do amigo Paulo RP, cheguei a um pensamento com um pouco de base científica e um pouco de especulação própria, na psicologia existe o termo sintalidade que define a característica ou personalidade de um grupo e no caso do São Paulo, reflete a personalidade de seus comandantes, presidente, diretores, treinadores e líderes dentro de campo, não vou aqui me estender sobre as características de cada um mas comparem vocês os times campeões, como eram, quem eram esses comandantes e como são os comandantes nessa década perdida, o grupo dentro de campo reflete a personalidade e ambições desses caras e, muitas vezes um único cidadão pode gerar essa influência positiva ou negativa, pensem no Tele Santana, ou no Murici será que esses treinadores deixavam-se influenciar ou influenciavam, se o Marcelo Portugal influenciava positiva ou negativamente, se a presença do Lugano e do Rogério Ceni pesava de que forma no grupo, hoje somos um grupo fraco, não técnica nem física mas mentalmente, entramos em campo derrotados pelos nossos medos, e se algo tiver que dar errado vai dar, as disputas de bola serão perdidas, nada vai dar certo porque antes que as coisas aconteçam elas são criadas na mente e na nossa mente só vem a derrota, lembrem-se já estivemos do outro lado, nós rimos muito quando a cada jogo era uma vitória e um técnico demitido pelos Curicas, nessa época eles entravam derrotados, portanto penso que é necessário encontrar pessoas positivas e mentalmente forte para gerir essa crise sem fim.
    E complementando cito como exemplo o Rodrigo Caio tido, por parte da torcida, como um dos responsáveis pela falta de títulos e derrotas nos clássicos, com a mudança de clube já conquistou um título de campeão carioca e já venceu em Itaquera, coisa que, mesmo com a sua saída, ainda não conseguimos, o São Paulo estava fazendo mal a ele e fará mal a todos esses meninos que ficarão com estigma de perdedores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.