Grêmio defende invencibilidade de dois meses diante do São Paulo

Há dois meses o torcedor gremista não sabe que gosto tem uma derrota. Esse é o tempo que o Grêmio se mantém invicto, tanto no Campeonato Brasileiro quanto na Copa Sul-Americana. A sequência de 14 jogos entre setembro e outubro mantém o time gaúcho muito vivo nas duas competições. A invencibilidade será posta à prova diante do São Paulo, neste domingo, às 17h, no Olímpico, em uma ‘decisão’.

A última derrota gremista aconteceu no dia 8 de setembro, para o Corinthians, no Pacaembu. Depois, venceu Náutico, Cruzeiro, Sport e Ponte Preta no Campeonato Brasileiro e Barcelona, duas vezes, e Millonarios pela Sul-Americana. Foram sete empates neste meio tempo: Flamengo, Atlético-MG, Santos, Botafogo, Fluminense, Coritiba e Bahia. Por conta destes resultados em sequência que a partida com o São Paulo tem importância tremenda.

– Sabemos que esse ano é decisivo. Buscamos grandes resultados. Para coroar esse último ano do Olímpico, a torcida juntou para que iniciasse uma nova história e terminar de boa maneira. Nada mais importante que a presença da torcida. Temos bons frutos para colher. Temos que trabalhar da melhor maneira possível – explicou o zagueiro Saimon.

O confronto pode ser o primeiro de outros dois também decisivos, caso o Grêmio passe na Copa Sul-Americana. As chaves serão rearranjadas para que os dois brasileiros se enfrentem. O lateral Pará não concorda com o regulamento da Conmebol e projeta duelos complicados.

– Não concordo com o regulamento. Preferia que fosse em uma final, para abrilhantar a competição. Mas é regulamento. Não estamos pensando nisso aí. Se passarmos, vamos jogar, não tem outro jeito. Estamos pensando mesmo é na vaga do Brasileiro – destacou o camisa 31.

Se vencer o São Paulo, o Tricolor Gaúcho abre sete pontos de vantagem do quarto colocado. Ficaria só na briga pela vice-liderança do Brasileirão com o Atlético-MG. Caso o Galo tropece diante do Vasco, em São Januário, já pode ser ultrapassado pelos gremistas. O Olímpico estará lotado para o confronto, já que 20 mil ingressos foram vendidos.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*