Ganso nega briga por posição com Rogério: “Nem gosta de fazer essa função”

Poupado no início da partida contra o Mogi Mirim, Paulo Henrique Ganso viu do banco de reservas o Rogério ser escalado na sua função na vitória por 2 a 0 do São Paulo sobre o Mogi Mirim. Mas nem o gol marcado pelo atacante fez com que o meia se preocupasse em perder a posição.

“O Rogério nem gosta de fazer essa função. Ele está tendo a oportunidade de jogar ali e está fazendo o trabalho dele, assim como se eu tiver que jogar na ponta, vou dar meu melhor”, afirmou, em entrevista à “Rádio Globo”.

Ganso entrou no segundo tempo da partida, justamente no lugar de Rogério. O meia balançou as redes aos 44 minutos do segundo tempo.

Com o resultado, o São Paulo assume a primeira colocação do Grupo C, agora com o mesmo número de pontos da líder Ferroviária, 13, mas vencendo no saldo de gols: 6 a 5. O time de Edgardo Bauza volta a campo no próximo sábado (5), contra o São Bernardo, no Pacaembu.

2 comentários em “Ganso nega briga por posição com Rogério: “Nem gosta de fazer essa função”

  1. Outra coisa Sr.Ganso vê se joga contra o River na quarta e no domingo contra as Pepas,não é só entrar em campo é jogar de verdade participar ativamente do jogo.
    Por enquanto vê se fica quietinho e joga bola.

  2. O Rogerio só é efetivo próximo a grande área, nem do lado nem no meio ele vai bem,infelizmente o Bauza não tem visão ofensiva,porém na área já temos o Caleri,aí é que problema aparece.
    Eu jogaria com os 4 atacantes mais técnicos do elenco que são Ganso,Caleri,Kardec e Rogerio(próximo ou dentro da área).
    O problema é a velocidade que esses caras não tem,teriam que fazer a bola correr em toques rápidos para compensar,mais aí demanda tempo de treinamento e boa vontade dos jogadores para fazer acontecer do contrário não vai funcionar,pois o futebol atual não permite lentidão ofensiva de jeito nenhum.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*