Fabuloso sobre apagão na Argentina: ‘Há males que vêm para o bem’

Como estava em recuperação de um estiramento na coxa direita, Luis Fabiano não viajou com a Seleção Brasileira para Resistência (ARG) para o segundo jogo do Superclássico das Américas, na última quarta-feira. Mas o atacante do São Paulo não perdeu muita coisa, já que a iluminação do Estádio Centenário não funcionou e a partida foi adiada.

E Fabuloso pode ser um dos únicos beneficiados pelo fato. A Conmebol deve marcar uma nova data para o confronto, e o artilheiro espera estar presente.

– Há males que vêm para o bem, vamos dizer assim (risos). Eu espero voltar para a Seleção, mas não só para esse time que é composto por jogadores que atuam só no Brasil. Agora, esse Superclássico acho que será só em 2013, está longe até lá e muita coisa pode acontecer. Mas eu tenho esperanças de continuar nesse grupo da Seleção. Já fui uma vez. A primeira sempre é difícil, agora abriu a porteira e espero que ele (Mano Menezes) me chame direto – afirmou o camisa 9.

Luis Fabiano voltou à Seleção Brasileira justamente no primeiro duelo com a Argentina, em Goiânia. Ele foi titular na vitória por 2 a 1. Mas, dois dias depois, sentiu o estiramento que o afastou de três jogos do São Paulo.

Recuperado, o atacante é presença garantida no clássico da tarde deste sábado, com o Palmeiras, no Morumbi. Fabuloso espera que o jogo seja de paz fora do campo e com vitória são-paulina no Choque-Rei.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*