Expulsões, tropeços e baixas: São Paulo liga sinal de alerta no Brasileiro

O São Paulo liga o sinal de alerta no Campeonato Brasileiro. Com problemas de escalação oriundos de lesões, expulsões e convocações, o técnico Cuca vê seu time cair do flerte com a liderança para o risco de sair do grupo de classificação à fase de grupos da Libertadores do ano que vem.

Desde a retomada do Brasileirão pós-Copa América, o São Paulo havia engatado um empate contra o então líder invicto Palmeiras, seguido por cinco vitórias consecutivas e contratações de peso, com Dani Alves e Juanfran. Neste período, subiu da nona para a quarta posição e reduziu de nove para apenas dois pontos a distância para a liderança.

Bastaram duas rodadas para o cenário de empolgação ganhar ares de preocupação. Após perder do Vasco e empatar com o Grêmio, o São Paulo desperdiçou chance de colar nos líderes – com a vitória sobre a Chape, o Santos abriu cinco pontos de vantagem em cima do Tricolor -, e ainda vê sob risco sua posição no G4, já que o Corinthians pode ultrapassá-lo em caso de vitória hoje sobre o Atlético-MG, em Itaquera.

Estamos em um campeonato muito equilibrado e temos de ser constantes. Não se pode acreditar muito nos elogios e nem quando eles não veem, disse Daniel Alves após o empate de ontem.

Além de não ganhar cinco dos seis pontos disputados, as últimas duas rodadas do Brasileirão foram marcadas por expulsões no São Paulo. Contra o Vasco, Raniel levou vermelho ainda na etapa inicial; diante do Grêmio, o também atacante Antony foi mandado para o chuveiro nos minutos finais. Na entrevista pós-jogo de ontem, Cuca chegou a falar em “frisson” e “perda de confiança” dos atletas, mas saiu em defesa de sua escalação e da postura coletiva da equipe frente aos gaúchos.

As expulsões, que naturalmente geram desfalques por suspensão, se juntam aos problemas de departamento médico e convocações num pacote de muitas baixas com as quais o treinador tem de lidar. Antony, além de suspenso, também não joga semana que vem por convocação para a seleção olímpica, assim como Walce. seleção principal, estarão Daniel Alves e Igor Gomes. Em recuperação de lesões, são dúvidas Toró, Pablo, Alexandre Pato e Hernanes.

Cuca terá uma semana cheia de treinos e trabalho para melhorar o repertório da equipe em relação ao que foi apresentado nos dois últimos jogos e, assim, tentar recolocar o São Paulo nos trilhos rumo às cabeças do Brasileirão. O próximo desafio é no Beira-Rio, contra o Internacional. Cabe lembrar: nas primeiras oito partidas em casa na competição, os colorados venceram seis e empataram duas.

Fonte: Uol

Um comentário em “Expulsões, tropeços e baixas: São Paulo liga sinal de alerta no Brasileiro

  1. É sao paulo só não caímos mais pq as pepas conseguiram ser goleados pelo os urubus, as galinhas com um time mixuruca ja nos passou, agora o inter alguem confia que vamos ganhar deles, eu não acredito ate pq além nao termos um elenco bom só temos 1 time bom, cairemos mais na tabela e nem Daniel e juanfran vai nos salvar afinal nao sao mágicos , aliás nao temos treinador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.