Dorival faz treino com handebol no São Paulo e mantém dúvida na zaga

Ciente do desgaste físico de seus jogadores, o técnico Dorival Júnior, do São Paulo, dirigiu um leve treinamento técnico e recreativo na manhã deste sábado, no CCT da Barra Funda, onde foi encerrada a preparação para o duelo com o Bahia, em Salvador. O comandante, portanto, manteve a dúvida sobre quem será o companheiro de Arboleda no miolo de zaga tricolor.

O dia começou com um aquecimento diferente: nele, os atletas disputaram uma partida de handebol com cestas, usando carrinhos da rouparia como improviso. Na atividade, duas equipes se deslocavam em passes curtos com as mãos até chegar ao ponto.

O descontraído trabalho foi seguido por um rachão e um treino técnico. Assim, Dorival não testou o zagueiro que substituirá Rodrigo Caio, que cumprirá suspensão automática por ter sido advertido com o terceiro cartão amarelo na derrota para o Coritiba, na última quinta-feira.

A tendência, contudo, é que Éder Militão seja o escolhido. Nos treinos táticos, o atleta de 19 anos vem atuando pelo lado esquerdo do miolo de defesa reserva. É justamente neste setor onde Rodrigo Caio joga. As outras opções seriam Lugano e Douglas.

Após o treino, a delegação seguiu viagem rumo a Salvador. Passadas 18 rodadas do Campeonato Brasileiro, o São Paulo tenta terminar o primeiro turno fora da zona de rebaixamento. A equipe é a 17ª colocada, com 19 pontos, um a menos que o Bahia, que aparece no 16º lugar.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

7 comentários em “Dorival faz treino com handebol no São Paulo e mantém dúvida na zaga

  1. Vejo alguns jogos da Europa e constato que, até mesmo times das segundas e terceiras divisões, são bem treinados. Linhas compactas; encurtamento do campo; pressão, ou tentativa de, na saída de bola dos adversários; jogadas ensaiadas (até laterais), enfim, independentemente da categoria (ou falta de) dos jogadores, vejo o trabalho do treinador, que parece saber como treinar e passar o que precisa para o time executar em campo. Por aqui, ao contrário, com pouquíssimas exceções, não temos treinadores: são distribuidores de camisas e apitadores de treinos secretos (???). Por isso é que quase a unanimidade dos times jogam como amontoados em campo. No S.Paulo não é diferente. Tive esperança que o Ceni pudesse mudar isto mas me enganei, infelizmente…

  2. Imagine os outros times que estão disputando outras competições, estes realmente estão cansados. Mas também cansa ver um time individualista, todos os jogos alguém falha, temos que virar uma equipe solidária, assim vamos começar a ganhar, e treinar, treinar, treinar, para chegarmos em condições cada vez melhor, alias estamos escrevendo nossas opiniões mas acho que estamos perdendo nosso tempo, pois a quem interessa não fica sabendo, apesar de que há muitas ofensas também, fica difícil.

  3. PQP handebol, TEM EH QUE TREINAR FUNDAMENTOS, isto sim que vai melhorar nosso ataque , meio de campo e defesa (e não desgasta jogador). Vai mal Dorival, vai muito mal assim!!!

  4. Haka: um aspecto do domínio dos All Blacks no rugby
    Rouget Maia, blogueiro do ESPN.com.br, de Auckland (Nova Zelândia)
    Publicado em 04/10/2011, 17:41

    “Ha-ka”- que pode ser traduzido como cuspir fogo, respirar fogo – é um tradicional canto de guerra dos Maori.

    Para os All Blacks, a Haka é um prerrogativa básica. Antes de cada jogo, os All Blacks realizam a Haka como uma dança de guerra, em homenagem aos Maori e para energizar a equipe antes de cada partida

    Isso que esse verdurero deveria mostrar para seus jogadores, forca, garra, vontade de ganhar sempre com seriedade e vergonha na cara, nao treininhos que nao levam a nada apesar de ser recreativo e’ hora de seriedade nao de sakanagem, como esta demonstrando todos da kartolaiada passando por comissao tecnica e a maioria dos jogadores.
    ALL BLACKS e’ tudo isso que nao temos, sangue no zoio, c u s p i r fogo pela boca e ventas. Timeko amarelo di mierda junto com seu trenero verdurero amarelo & conivente.

  5. Depois que ninguém acerta uma cobrança de falta, um escanteio e mal acerta uma cobrança de lateral, a gente ainda fica surpreso.

    Não é a toa que eu disse que o time fica brincando de roda de bobinho e fazendo pilates a semana toda.

    E isso, faz tempo…. nem é coisa do Dorival.

    Ao invés de fazer um tático, acertar alguma coisa… fica fazendo gincana e rachão.

    E ainda vai voltar com Renan, Bruno e Marcinho de titular….. colocando jogadores com nível de segunda divisão já se preparando para o ano que vem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*