Corinthians diz que não negocia Jorge Henrique com rivais

Ney Franco fez lobby, mas dificilmente contará com Jorge Henrique no São Paulo. Isso porque o Corinthians já admite que negociará o atacante, mas praticamente descarta colocar o jogador em um time do Estado.

Edu Gaspar, gerente de futebol do Corinthians, disse ao UOL Esporte que o Corinthians dá preferência para negociar Jorge Henrique com algum time de fora de São Paulo. Para ele, seria complicado que um ídolo do time fosse para um rival após uma saída conturbada.

“O Ney deixou a porta aberta, mas não teve nenhum contato do São Paulo. não há como negar que seria melhor que ele fosse para outro lugar. Se o São Paulo nos procurar e fizer uma grande oferta, tudo é estudado, mas não nego que seria uma negociação muito difícil de ser viabilizada”, afirmou.

Ao mesmo tempo, o São Paulo não vê Jorge Henrique com o perfil de um jogador para sua equipe. Isso sem contar que o passado recente de confusões em que o atleta se envolveu também joga contra a imagem do atleta.

O jogador foi afastado por indisciplina do Corinthians. Ele chegou atrasado à concentração em um sábado e alegou que tinha tido problemas familiares. Depois do episódio, Tite e a diretoria descobriram o verdadeiro motivo do afastamento, que foi uma noitada.

Na sexta-feira, ignorando os problemas que Jorge Henrique viveu fora de campo, o treinador do São Paulo, Ney Franco, afirmou que o atleta com quem já tinha trabalho no Botafogo, em 2008, seria uma ótima opção como reforço se estivesse livre no mercado.

“Jorge Henrique é um baita jogador. Se ele tiver solto no mercado e pudesse jogar aqui seria interessante. Ele fazia uma função boa comigo no Botafogo pela esquerda”, disse ele na entrevista coletiva, em Cotia, na sexta-feira. 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*