Confiança renovada e gols nos três rivais: Luiz Araújo revive boa fase

O gol feito por Luiz Araújo contra o Palmeiras, sábado, na vitória por 2 a 0 do São Paulo, no Morumbi, tem sabor especial para o atacante. Ele agora pode dizer que marcou contra os principais rivais do Tricolor: em clássicos diante de Palmeiras, Santos (virada por 3 a 1 na Vila Belmiro) e Corinthians (goleada por 4 a 0 no fim do ano passado) .

Além do gol, o atacante de 20 anos retomou a condição de titular no time de Rogério Ceni. O que não ocorria desde o dia 16 de abril, na derrota por 2 a 0 para o Corinthians. Na ocasião, o atacante foi um dos alvos da forte cobrança do treinador no intervalo do clássico. Dali em diante, acumulou cinco jogos no banco de reservas.

– Vivi um mal momento. As coisas começaram a dar errado. Mas nunca deixei de confiar no meu trabalho. Não estava jogando, mas treinei firme para, quando o Rogério precisasse, dar conta do recado. Estou trabalhando para isso e muito feliz por ter voltado a marcar no Morumbi, em dois jogos seguidos. Isso dá moral e renova a confiança para seguir firme no Brasileiro – disse.

Araújo era nome certo nas escalações do São Paulo no início do ano e foi alvo de proposta do Lille, da França: R$ 22 milhões. A diretoria recusou a investida e ele ficou no Tricolor, após conversa com Rogério Ceni. O técnico, aliás, vê potencial para o atleta valer o dobro do valor.

O jogador, no entanto, começou a cair de produção a partir da derrota contra o mesmo Palmeiras (3 a 0), no dia 11 de março, pelo Paulistão. Àquela altura, ele estava confiante por ter marcado dois gols contra o ABC (Copa do Brasil). Na semana seguinte, o atacante renovou contrato até 2021.

Araújo acumulou seca de 12 partidas sem marcar. Constantemente cobrado por Ceni nos treinos, o garoto revelado na base encerrou o ciclo sem gols na vitória por 2 a 0 contra o Avaí, no Morumbi, no dia 22 de maio. Ele iniciou no banco, entrou no segundo tempo e selou o placar.

Depois de vivenciar momentos ruins, o atleta aos poucos retoma o bom futebol do começo da temporada. A luta agora é para manter a vaga entre os titulares e o momento positivo contra a Ponte Preta, domingo, no Moisés Lucarelli, em Campinas.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*