Chocolate indigesto: São Paulo volta a levar de cinco após três anos

O São Paulo sofreu um baque muito forte na noite desta quarta-feira no Maracanã. Após sair em vantagem no intervalo com bom futebol e vitória por 2 a 1 sobre o Fluminense, o time da capital paulista foi dominado pelos cariocas na etapa complementar e agora volta para casa com indigesta goleada por 5 a 2. Além de tirar a invencibilidade do time no Campeonato Brasileiro, a derrota foi a primeira com cinco gols sofridos desde 2011.

Na ocasião, os são-paulinos vinham de cinco vitórias consecutivas no torneio nacional quando enfrentaram o Corinthians e caíram por 5 a 0 pela 6ª rodada, a mesma rodada do revés para o Flu em 2014. O clássico do dia 26 de junho de 2011 começou equilibrado, mas o time ofensivo armado por Paulo César Carpegiani se perdeu em campo quando Carlinhos Paraíba foi expulso.

O Timão soube se impor na etapa complementar e construiu a goleada com gols de Danilo, logo no primeiro minuto do segundo tempo, Liedson (três vezes) e Jorge Henrique. A partida ficou marcada pelos gritos de olé da torcida corintiana e as canetas humilhantes de Emerson Sheik em cima de Rodrigo Caio, que vivia os primeiros dias como profissional no São Paulo.

A goleada para o time do Parque São Jorge é tratada pelo ex-presidente Juvenal Juvêncio como um dos piores momentos de seus oito anos de gestão à frente do clube do Morumbi. Já o chocolate para o Fluminense por 5 a 2 é o primeiro vexame de Carlos Miguel Aidar na presidência. até esta quarta-feira, o mandatário só havia perdido para o CRB (AL), no jogo de ida da segunda fase da Copa do Brasil.


Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*