Ceni se queixa de problema muscular após majestoso

Os são-paulinos saíram de campo satisfeitos com a vitória por 2 a 1 sobre o Corinthians, de virada, no Pacaembu, pelo fechamento do primeiro turno do Campeonato Brasileiro. No entanto, Rogério Ceni teve do que se queixar.

O capitão e goleiro do Tricolor deixou o gramado se queixando de um problema muscular na coxa direita. O incômodo o atrapalhou tanto que o impediu de cobrar tiros de meta nos instantes finais do Majestoso. Coube ao zagueiro Rhodolfo substituí-lo na reposição de bola.

 

– Estava com um edema no músculo posterior da coxa e agora parece que deu uma agravada. Estou completando hoje nove jogos em 27 dias depois de voltar de lesão (no ombro). Está incomodando um pouco, vamos ver com o doutor o que vamos fazer daqui pra frente – afirmou.

O camisa 1 será reavaliado para saber se tem condições de enfrentar o Botafogo, na próxima quarta-feira, no Morumbi.

Sobre o trunfo diante do rival do Parque São Jorge, Rogério apontou que o primeiro gol de Luis Fabiano, o de empate, fez a equipe ganhar confiança para reverter a desvantagem.

– O jogo é muito cíclico, se altera muito durante os 90 minutos. O Corinthians teve a chance de matar o jogo, mas não conseguiu. Quando fizemos o gol, o lado psicológico da partida mudou. Caímos de produção no fim, nos defendemos bem, mas falta um pouco mais de maturidade para apresentar um pouco melhor de rendimento.
Fonte: Lance – Foto: Vipcomm

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*