Ceni aguarda aval para escalar Pratto na Vila; estreia de Jucilei deve demorar

Os mais de 50 mil são-paulinos que foram ao Morumbi ver a estreia de Rogério Ceni como treinador puderem saudar a nova dupla de reforços do Tricolor: o volante Jucilei e o atacante Lucas Pratto foram apresentados no gramado pouco antes da vitória por 5 a 2 sobre a Ponte Preta.

Dos dois, o argentino é quem jogará primeiro. Como ele já vinha atuando regularmente pelo Atlético-MG, há até a expectativa de que seja relacionado para o clássico contra o Santos, quarta-feira, na Vila Belmiro. Já o volante, que estava no futebol chinês, ainda passará por avaliação.

– Não sei ainda em que situação física Jucilei está. Já o Pratto… a partir do momento que o jurídico der condições, ele é um jogador apto fisicamente. Aguardamos avaliações do departamento físico sobre Jucilei. O time vai criando corpo, volume, e aí começamos a criar melhores expectativas – disse Ceni, que prevê boa briga por vaga no ataque, ainda mais depois dos três gols marcados por Gilberto diante da Ponte.

– Sempre acho muito importante o estímulo à competitividade. Hoje temos Chávez, Gilberto e agora o Pratto. Assim como no gol tínhamos Denis e Renan e agora Sidão. Tudo que estimula a concorrência é importante para elevar o nível de uma equipe.

Peso da estreia

Nem mesmo os 20 anos de experiência, adquiridos pela carreira como goleiro do São Paulo, impediram Rogério Ceni de tratar a tarde deste domingo como uma ocasião especial. O retorno ao Morumbi, pela primeira vez como técnico e diante de mais de 50 mil pessoas no estádio, mexeu com o ídolo são-paulino.

“Nasci no futebol aqui, praticamente. Morei aqui e passei por todas as dificuldades que me deram maturidade. (…) Sempre fico muito feliz de voltar ao Morumbi”, declarou o treinador após a goleada por 5 a 2 sobre a Ponte Preta.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*