Brenner chora ao ser substituído e explica: “Eu não estava bem”

Diego Aguirre aproveitou seu primeiro jogo sem caráter decisivo à frente do São Paulo para rodar o elenco, como gosta de fazer. Brenner foi um dos que recebeu oportunidade entre os titulares. O atacante, no entanto, não foi bem e acabou substituído aos 10 minutos do segundo tempo. Ao sentar no banco de reservas, Brenner imediatamente foi às lágrimas, aparentemente irritado com a própria atuação.

Após a vitória do São Paulo sobre o Paraná por 1 a 0 no Morumbi, o jovem de 18 anos revelado pelas categorias de base do clube não se escondeu, topou falar na zona mista e explicou seu sentimento.

“Foi tristeza, eu não soube aproveitar bem minha oportunidade, queria dar mais para ajudar o São Paulo, não tive uma noite muito iluminada, fiquei muito triste com isso. Sei que eu me cobro bastante, estava triste por isso”, contou, aos jornalistas presentes.

Brenner não entrava em campo desde a vitória do tricolor sobre o CRB, por 3 a 0, em Alagoas, dia 14 de março. Nessa temporada, foram 13 jogos e dois gols, estes contra Corinthians e Madureira.

“Desde pequeno eu me cobro bastante, aconteceu comigo hoje (nessa segunda). Eu não estava em uma noite boa hoje, saí chateado, estava chorando porque eu me cobro muito e achei que eu não rendi o que eu esperava”, disse, sem procurar qualquer tipo de desculpa.

“O sistema defensivo deles estava bem, eu fiz algumas movimentações, tive algumas oportunidades, não soube aproveitar, mas feliz pela vitória”.

Por fim, o jovem revelou o papo no vestiário e a força que recebeu dos companheiros panotra não se abalar e dar a volta por cima.

“Falaram para eu erguer a cabeça, que isso acontece, eu sou um garoto, tenho apenas 18 anos, sou capaz de evoluir, mas chorar eu chorei naturalmente, porque eu sei que eu posso mais”, concluiu.

Fonte: Gazeta Esportiva

 

Nota do PP: repito o que disse em meu editorial: espero que não queimem esse garoto. Ele ainda nos dará muitas alegrias. Tem muito potencial para isso.

2 comentários em “Brenner chora ao ser substituído e explica: “Eu não estava bem”

  1. Não sei se o Brenner lê o que comentamos aqui; mesmo assim gostaria de expressar o que vi ontem e o que o garoto vai precisar pro futuro.
    Ontem, não foi o Brenner que não correspondeu: quem no ataque correspondeu?
    Quem puder rever o jogo, e o time deverá fazê-lo, vai ver que o garoto ficou sozinho o tempo inteiro entre 3 ou 4 marcadores, sem nenhum companheiro próximo para jogar juntos e, principalmente, não chegou nenhuma bola pra ele definir ou tentar partir pra dentro da área pra fazê-lo. Prova disto é que quem ficou em seu lugar continuou na mesma. O time é que foi muito mal atacando. Nâo era motivo de choro, mas o garoto tem brio e o mostrou, chorando, por achar que tinha ido mal. Ele me pareceu ansioso, errando passes simples, e cabe ao treinador conversar com ele e dar segurança ao menino para ele poder tentar e errar sem se sentir pressionado.
    É preciso lapidar uma pedra pra se tornar uma joia: é isto que precisam fazer com o Brenner!!!

  2. Este garoto e muito bom, tem que dar mais rodagem como titula ou reserva, seria bol ele entrar no segundo tempo e aproveitar a oportunidade.
    Brenner levante a cabeça e jogue o seu futebol, fique tranquilo que a torcida do tricolor esta com voce.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*