Bauza comanda treino e viaja à Argentina para se reunir com a AFA

O técnico Edgardo Bauza comandou, na manhã desta sexta-feira, possivelmente um dos seus últimos treinos à frente do São Paulo. Com os portões fechados, o Patón dirigiu um coletivo e confirmou o time titular que enfrentará o Grêmio, no próximo domingo, em Porto Alegre. Após a atividade, o treinador de 58 anos se retirou para pegar um avião com destino a Buenos Aires, onde se reunirá com dirigentes da AFA (Associação de Futebol Argentino) ainda nesta tarde para, talvez, receber um convite para assumir a seleção bicampeã mundial.

Após uma hora e 15 minutos de treino tático, os jornalistas tiveram acesso às dependências internas do CCT da Barra Funda, onde, na ocasião, apenas os reservas participavam de um exercício em campo reduzido, orientado pelo auxiliar José Daniel Di Leo. Bauza foi visto já sem o uniforme do São Paulo em um dos corredores do local. Segundo a imprensa argentina, treinador terá à disposição um voo fretado para a capital de seu país.

Segundo o clube, o Patón volta a São Paulo nesta noite de sexta-feira e comandará normalmente o treino deste sábado. Hudson é seu único desfalque para o embate diante da equipe gaúcha, já que cumprirá suspensão por conta do terceiro cartão amarelo levado no Majestoso do último domingo. Kelvin, embora recuperado de uma lesão na coxa esquerda, deverá iniciar o confronto no banco de reservas.

Isto posto, o São Paulo deve ir a campo contra o Grêmio com Denis; Bruno, Lugano, Maicon e Mena; Thiago Mendes, Wesley, Centurión, Cueva e Michel Bastos; Gilberto. O duelo, válido pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, está marcado para este domingo, às 16 horas (de Brasília), em Porto Alegre.

Bauza é o nome predileto de Armando Pérez, presidente da Comissão Normalizadora da entidade que regula o futebol argentino, para o cargo de técnico da seleção bicampeã mundial, que está sem treinador desde o término da Copa América Centenário, nos Estados Unidos, onde ficou com o vice-campeonato após derrota nos pênaltis para o Chile.

Miguel Angel Russo, campeão da Copa Libertadores da América, em 2007, com o Boca Juniors, é o principal concorrente do treinador são-paulino. Campeões de 2006, Jorge Burruchaga e Nery Pumpido correm por fora. Uma decisão deve ser anunciada nas próximas horas.

Reforço no CT- Quem também deu as caras no treino tricolor foi Andrés Chávez, novo reforço para o ataque do São Paulo. O argentino, que chega do Boca Juniors por empréstimo de um ano, assistiu à atividade sentado em um dos bancos de reservas. Já Julio Buffarini segue com sua situação burocrática indefinida e sua vinda ao Brasil ainda depende do aval da Fifa, uma vez que sua transferência não foi completamente concluída no sistema de registros da entidade que administra o futebol no mundo.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.