Atrás de técnico, cúpula do São Paulo fala sobre Ricardo Gomes em reunião

Enquanto o interino André Jardine segue trabalhando em campo com os jogadores, a diretoria do São Paulo continua em busca do novo técnico para o segundo turno do Campeonato Brasileiro e as oitavas de final da Copa do Brasil. Um nome que ganha força nos bastidores do Morumbi é o do técnico do Botafogo, Ricardo Gomes, que trabalhou no clube entre 2009 e 2010 – o nome dele foi citado na última conversa entre os principais dirigentes da equipe do Morumbi.

Ricardo tem seu trabalho muito elogiado pelos cartolas tricolores. Quando ele passou pelo clube, o atual presidente, Carlos Augusto de Barros e Silva, era vice-presidente de futebol. No São Paulo, Ricardo foi quarto colocado no Campeonato Brasileiro de 2009 e semifinalista da Taça Libertadores da América de 2010. Acabou demitido para ser substituído por Sérgio Baresi.

O técnico já esteve perto de deixar o Botafogo em maio, quando recebeu proposta do Cruzeiro. Na ocasião, ele acabou permanecendo, aumentou o tempo de contrato (acaba agora em dezembro de 2017) e ainda foi colocada uma multa rescisória no novo vínculo. Procurados, os cartolas do time carioca dizem não saber de nada sobre o assunto.

Pessoas ligadas ao clube do Morumbi acreditam que a contratação do novo técnico poderá ser definida nesta semana. Mas uma coisa é certa: independentemente de o acertar acontecer, Jardine comandará a equipe no próximo domingo.

Também existe uma corrente no clube que defende a contratação de Abel Braga, que está sem clube. Leco, em entrevista no último sábado, descartou a contratação de um estrangeiro e deixou claro que poderia tentar a contratação de um treinador empregado.

 

Fonte: Globo Esporte

10 comentários em “Atrás de técnico, cúpula do São Paulo fala sobre Ricardo Gomes em reunião

  1. Entre ficar com o interino (que é melhor que muitos badalados) e Ricardo Gomes? Não tenho dúvida: Jardine.
    Para que fazer essas burrices, diretoria? Contratar só porque o cara é educado, etc. Tem que ser competente. Até que tem qualidade, mas não tem perfil que o elenco do SPFC precisa.

  2. Não li nem a matéria… pra mim que essa ideia não passe nem pela cabeça dos dirigentes… dá uma oportunidade para o Jardine!

  3. Eu acho que o São Paulo deveria pedir ajuda ao Projeto Tamar. É muita tartaruga na gestão desse clube! Nesse ritmo, vamos contratar um técnico em 2018.

  4. Ricardo gomes nao teve um AVC ? Coitado melhor ficar no botafogo pq la o time esta na Z-4 e no botafogo a cobrança nao tanta pq tanto faz , agora no sao paulo que esta mais pra ca do que pra la, vai ter um enfarte ou outro AVC ai morre, fica quieto ai mesmo.

  5. Entre Abel, Ricardo, etc,etc… prefiro o André Jardine, diretoria, acorda, efetiva o cara e da carta branca, sem possibilidade econômica e por regulamento, para novas contratações, qual técnico melhor, para mesclar a base?

  6. Entre Ricardo Gomes e Abelao, prefiro o abelao, o Ricardo ja passou por aqui e apesar do que fez no passado nao fara coisa melhor e se for para contratar treinador empregado que traga um bom ja de uma vez um que esta no topo da tabela, coisa que acho impossivel, pq o botafogo esta na Z-4 e vai levar o sao paulo para Z-4.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*