Árbitro relata sinalizadores e atraso e São Paulo pode levar multa do STJD

O risco de rebaixamento foi drasticamente reduzido com a vitória sobre a Ponte Preta, mas a vitória deve vir acompanhada de algum prejuízo financeiro para o São Paulo. Marcelo de Lima Henrique, árbitro da partida do último sábado, relatou duas irregularidades na súmula que podem trazer prejuízos para o Tricolor na reta final do Campeonato Brasileiro.

O juiz informou que os são-paulinos demoraram um minuto além do permitido para voltar dos vestiários do Morumbi no intervalo. Normalmente, infrações do tipo são punidas pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) com multa de R$ 10 mil por minuto.

Outra punição financeira deve atingir os tricolores por incidente no intervalo, mas provocado por torcedores. Na arquibancada laranja, setor ocupado em sua maioria pelas torcidas organizadas do clube, sinalizadores foram acesos no retorno do time ao gramado e árbitro exigiu que os artefatos fossem apagados para que o segundo tempo começasse.

“Atraso de 03 (três) minutos para o reinício da partida. Atraso em decorrência do retorno da equipe do São Paulo com 01 (um) minuto além do tempo previsto e outros 02 (dois) minutos, em decorrência de sinalizadores acessos na torcida do São Paulo F.C., necessitando a espera por parte da equipe de arbitragem que os sinalizadores fossem apagados”, diz a súmula.

Nesta edição do Brasileirão, a torcida do Corinthians também acendeu sinalizadores, em jogo da 19ª rodada contra o Cruzeiro, e o clube alvinegro foi multado pelo STJD em R$ 36 mil.

 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*