Após “jogo normal”, Muricy exalta Luis Fabiano e “classifica” Corinthians

Muricy Ramalho qualificou a vitória do São Paulo por 2 a 0 sobre o XV de Piracicaba, na noite deste sábado, no Pacaembu, pela terceira rodada do Campeonato Paulista, como “algo dentro do normal”. Em sua entrevista coletiva, o treinador só se empolgou ao falar de Luis Fabiano, que, segundo ele, “é mortal” quando entra em diagonal.

Muricy deixou claro que todo seu trabalho neste início de temporada visa a estreia na Libertadores, dia 18 de fevereiro – o São Paulo jogará como visitante contra o vencedor do confronto entre Corinthians e Once Caldas, pela fase prévia do torneio. Como o rival alvinegro venceu o primeiro jogo por 4 a 0 e atuará podendo perder por três gols de diferença na Colômbia, nesta quarta-feira, o técnico já “classificou” o Corinthians como seu adversário.

Início positivo
Eu acho que ganhar sempre é importante, dá confiança, ainda mais no início em que estamos. É importante arrumar um time competitivo. Estamos achando ainda, temos de repetir mais o time, temos de pensar na estreia da Libertadores. Estamos esperando todos estarem aptos para jogar, para decidir e repetir esse time para o dia 18. Até agora tudo bem, mudamos várias vezes, mas precisamos começar a ter uma cara. É um jogo normal de começo de temporada, o XV muito forte fisicamente. Dentro do normal.

Montagem da equipe
Temos alguns jogadores que ainda temos dúvida, o Dória, o Centurión, o Souza, Carlinhos. São muitos jogadores para o time. Precisamos esperar um pouco mais. O treino tático você faz todo dia, mas é importante jogar. Esses jogadores, principalmente o Souza, ainda estão com dificuldade. Temos de definir esse time perto do jogo contra o Corinthians. Aí é nosso objetivo.

Força do São Paulo para enfrentar o Santos na quarta-feira
Vai medir quando tivermos o plantel à disposição. Por enquanto estamos procurando jogadores, mudando um pouco. Temos de esperar, porque não dá para falar que quarta-feira vai medir nosso momento. Não temos ainda o time titular. São três jogadores ou quatro que têm possibilidade… Carlinhos, Dória, Centurión… Não dá para falar sobre quarta. Temos de ficar ligados no jogo da Libertadores.

Atuação de Luis Fabiano
O Luis sabe o que precisa fazer. Atacante não dá só para fazer gol. Estou explicando isso para ele e para o Pato. Tem de participar sem bola, pressionar adversários. Sempre que está bem preparado, ele rende. Esse gol que ele fez hoje, ele faz sempre, porque essa diagonal dele é mortal.

Mudanças no time
Pato não posso colocar para jogar (contra o Corinthians, por conta de uma cláusula contratual no empréstimo do atacante). Não adianta só ganhar, claro que é importante, mas o time pode mudar muito. Eu mudo a hora que eu quiser. Quando eu achar que o time não é ideal, eu mudo. Temos de encorpar para o jogo contra o Corinthians, Libertadores é diferente. Não adianta ganhar jogos com atletas que não vão ganhar, caso do Pato principalmente.

Atuações de Pato e Maicon
O Pato teve chances de fazer gol no primeiro tempo, no segundo teve poucas chances. Eu quero que ele participe mais sem a bola, senão ficamos com dois a menos. O Luis participou bastante. O Maicon com certeza vai ser o que mais quilômetros percorreu, como sempre.

Estreia na Libertadores
Você tem de chegar mais perto. Temos compromissos antes disso. Claro que os jogadores pensam, mas está longe. Temos vários compromissos antes disso, temos de estar preparados. O Corinthians fica para depois.

 

Fonte: Globo  Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*