Após brilhar, Pato se joga no escudo são-paulino e sai aliviado

Uma semana depois de ter sido vaiado ao longo do empate com o Criciúma, Alexandre Pato garantiu a festa da torcida do São Paulo marcando dois gols no triunfo por 3 a 1 sobre o Vitória, neste domingo, no Morumbi. Gols que tiraram um grande peso sobre o atacante, um dos jogadores mais cobrados do elenco.

O primeiro gol saiu aos 17 minutos, completando para a rede um cruzamento rasteiro de Paulo Henrique Ganso. Depois de balançar a rede, Pato pulou a placa de publicidade e se atirou no escudo de concreto do clube, que fica entre a arquibancada e a lateral do campo.

“Era alívio (o sentimento)”, explicou o jogador, no intervalo. Ao final do jogo, depois de ter marcado outra vez, finalizando rasteiro de longa distância, ele revelou que correr até o símbolo era uma ideia previamente pensada.

“Eu já estava querendo ir contra o Criciúma. Hoje, pensei: ‘será que não vou de novo?’. Meu único jeito de abraçar a torcida era indo ao símbolo, que representa a torcida”, comentou.

Emprestado pelo Corinthians até o final de 2015, Pato chegou ao clube contestado, mas deixou de ser perseguido por atuar consideravelmente bem nos primeiros jogos. Depois, entrou em baixa e voltou a ser criticado pela torcida, sendo algumas vezes vaiado mesmo entrando no fim.

O atacante só voltou a ser titular no duelo de ida da terceira fase da Copa do Brasil, contra o Bragantino, há pouco mais de uma semana, quando Muricy Ramalho não tinha outras opções para o setor. Na ocasião, ele criou a jogada para um gol e marcou outro, em cobrança de pênalti. Depois disso, por merecimento, segundo o treinador, tem continuado na equipe.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*