Antes de estreia, São Paulo tem disputa por vaga em todos os setores

A um dia de sua estreia na Copa Flórida, o São Paulo ainda não tem um time definido para enfrentar o argentino River Plate já pelas semifinais do torneio amistoso. Há disputa por vagas em praticamente todos os setores da equipe dirigida por Rogério Ceni, que estimula a competitividade entre seus jogadores durante a pré-temporada nos Estados Unidos.

Para a posição em que se tornou ídolo do clube, Ceni exige qualidade no trato da bola com os pés. Por isso, Sidão sai na frente de Denis na disputa, já que se aprimorou neste quesito quando foi treinado por Fernando Diniz no Audax, que quase chegou ao título do Campeonato Paulista de 2016 com um estilo de jogo marcado pela posse de bola. Mesmo assim, o vencedor será definido somente após os jogos na Flórida, onde Rogério deve testar ambos.

Na zaga, Maicon e Rodrigo Caio são inquestionáveis independentemente do esquema a ser adotado por Ceni. Em uma formação com três zagueiros, contudo, a briga promete, com Breno, Lugano e Lucão concorrendo por um lugar ao lado da dupla titular.

Jogadores disputam vagas no time titular do São Paulo em praticamente todos os setores (Foto: Rubens Chiri/ SPFC)
Jogadores disputam vagas no time titular do São Paulo em praticamente todos os setores (Foto: Rubens Chiri/ SPFC)

Nas laterais, o lado direito é a única dúvida. Bruno é o único a exercer a função originalmente. Wesley, contudo, atuou na posição em algumas partidas do ano passado e foi testado por Rogério nesse setor durante os jogos-treino em Bradenton. Na esquerda, o argentino Buffarini será o titular, embora o jovem Junior Tavares esteja agradando na estada tricolor nos Estados Unidos.

O meio-campo também é lugar de competição no elenco tricolor. Apesar de Thiago Mendes e Cícero serem os favoritos para primeiro e segundo volantes, respectivamente, Wesley, Wellington e o garoto Araruna têm se destacado nos treinos em Bradenton, pressionando os companheiros de posição.

João Schmidt, por sua vez, seria um dos fortes candidatos a compor o setor, mas, como já avisou que não continuará no São Paulo para o segundo semestre, perde força na disputa. Para a armação, Cueva está garantindo, com o respaldo de uma ótima temporada 2016 pelo Tricolor, em que marcou sete gols e deu cinco assistências. Um dos destaques do multicampeão time sub-20 de 2016, Shaylon pode ser a sombra do peruano.

No 3-4-3, que está sendo o esquema mais treinado por Rogério Ceni na Flórida, o ataque é o setor que parece mais definido. Recém-contratados, Wellington Nem e Neilton chegam para ser titulares e devem municiar o argentino Andres Chavez no começo do duelo contra o River. Luiz Araújo, pelas pontas, e Gilberto, na posição de centroavante, correm por fora nesta parte do campo.

“O Rogério já deixou bem claro para nós que vai jogar quem estiver melhor. Isso faz com que a equipe cresça e os jogadores dentro de campo briguem pela posição sadiamente. Cada um faz com que o companheiro ao lado acorde e esteja ligado para que não fique para trás”, afirmou Rodrigo Caio.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Um comentário em “Antes de estreia, São Paulo tem disputa por vaga em todos os setores

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*