Ainda com Cueva, São Paulo tenta firmar arrancada contra o lanterna

Cada vez mais distante da zona de rebaixamento, o São Paulo tenta consolidar a sua arrancada no Campeonato Brasileiro. Embalado por duas vitórias consecutivas, o time tricolor enfrentará o lanterna Atlético-GO, neste sábado, às 19 horas (de Brasília), pela 32ª rodada da competição nacional.

Ao derrotar Flamengo e Santos, a equipe dirigida por Dorival Júnior voltou a comemorar dois triunfos seguidos após cinco meses e assumiu o 11º lugar, com 40 pontos, cinco acima do grupo de descenso. No entanto, enquanto não se livrarem matematicamente do risco de queda, os são-paulinos continuarão cautelosos no discurso.

“Fizemos um pacto de somar 47 pontos para nos livramos do rebaixamento. Há duas rodadas, falavam que o São Paulo iria cair. Com duas vitórias, agora falam de Libertadores. É jogo a jogo”, ponderou o zagueiro Rodrigo Caio.

Apesar de o próximo adversário estar na iminência de sofrer o rebaixamento, o alerta é máximo no Morumbi. Isso porque o aproveitamento como visitante no campeonato é péssimo – o segundo pior dentre os 20 clubes, com 11 derrotas, dois empates e apenas duas vitórias. Além disso, no primeiro turno, o Tricolor não passou de um empate por 2 a 2 com os goianos em pleno Morumbi.

“Temos que melhorar o nosso retrospecto fora de casa, porque isso faz diferença na tabela. Vamos em busca da vitória, mesmo cientes das dificuldades, porque não tem outro resultado que nos interessa. Nossa equipe está focada e concentrada para tentar manter esta série positiva”, garantiu o volante Jucilei.

O confronto ainda marca a despedida do meia Christian Cueva, que defenderá a seleção peruana contra a Nova Zelândia, nos dias 11 e 15, pela repescagem da Copa do Mundo de 2018. Assim, o camisa 10 desfalcará o São Paulo nos duelos com Chapecoense (9/11), Vasco (12/11) e Grêmio (15/11), voltando a ficar disponível somente no embate com o Botafogo (19/11).

Preste a completar 20 jogos como técnico do São Paulo, Dorival fará apenas uma mudança na equipe em relação aos últimos dois jogos. Com uma lesão na coxa esquerda, o versátil Éder Militão dará lugar a Araruna na lateral direita. Já o volante Jucilei, que recuperou a titularidade e está em boa fase, seguirá como primeiro volante.

Do outro lado, o Atlético-GO tentará pôr fim a dois jejuns para seguir com esperanças de se livrar do iminente rebaixamento – no momento, é o 20º e último colocado, com 27 pontos, oito a menos que o Coritiba, primeiro clube fora da zona de degola. A equipe, além de não vencer no torneio há cinco rodadas, não sabe o que é triunfar em casa desde agosto.

“Sabemos que iremos enfrentar muitas dificuldades e que não estamos apresentando um bom futebol dentro de casa. Esperamos reverter isso neste jogo de sábado. Vamos em busca de uma grande vitória”, projetou o zagueiro William Alves.

Para essa partida, o técnico João Paulo Sanches deverá realizar duas mudanças no Dragão. Na lateral esquerda, Breno Lopes substituirá Bruno Pacheco, que sofreu uma lesão no ombro. No meio, Igor será o responsável por tentar suprir a ausência do suspenso Jorginho.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-GO X SÃO PAULO

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: 04 de novembro de 2017, sábado
Horário: 19 horas (de Brasília)
Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC)
Assistentes: Kleber Lucio Gil e Neuza Ines Back (ambos de SC)

ATLÉTICO-GO: Marcos; Marcão Silva, William Alves, Gilvan e Breno Lopes; André Castro e Paulinho; Andrigo, Igor e Luiz Fernando; Walter
Técnico: João Paulo Sanches

SÃO PAULO: Sidão; Araruna, Arboleda, Rodrigo Caio e Edimar; Jucilei; Marcos Guilherme, Petros, Hernanes e Cueva; Lucas Pratto
Técnico: Dorival Júnior

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*