Acompanhado por médico, Rogério Ceni treina cobranças de falta na véspera de retorno

O goleiro Rogério Ceni fez uma sessão de treino de faltas e pênaltis na manhã deste sábado. O jogador de 39 anos se prepara para voltar a campo na partida de domingo contra o Flamengo, às 16h, no Morumbi. Durante a atividade, ele foi observado pelo médico Sérgio Schubert, que fez a cirurgia no ombro direito de Rogério.

Por causa dela, o são-paulino ficou seis meses sem poder jogar. No sábado, ele já havia dito que continuaria com os treinamentos específicos de cobranças. Mas despistou ao ser questionado se voltaria a ser o cobrador oficial do São Paulo.

“Eu treinei pênaltis no último mês. Mas no time tem o Jadson, que bateu muito bem no último jogo, tem o Luis [Fabiano] que gosta [de cobrar]. Faltas eu treinei dois dias, amanhã [sábado] eu exercito”, afirmou o goleiro na primeira entrevista coletiva que concedeu no ano. “Quero bater 30, 40 bolas, acho que dá pra fazer. Não pode forçar muito [a musculatura] porque, na minha idade, você pode ter alguma surpresa desagradável”.

Rogério afirmou também que os seis meses em que ficou parado não diminuíram sua habilidade em chutar a bola. Com 103 gols na carreira, ele o é maior goleiro-artilheiro do futebol mundial. Em um jogo-treino na semana passada, o camisa 1 fez mais um gol de falta. “Bater na bola pra mim é uma coisa natural e é uma coisa que não se perde mesmo parado”.

Outro reforço confirmado para a partida desde domingo é o atacante Luis Fabiano, que voltará após desfalcar a equipe em dois jogos por causa de uma contratura muscular.

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*