Não precisa do time titular para ganhar do Corinthians

Amigo são-paulino, leitor do Tricolor na Web, a tarde de domingo foi mais do que especial. No estádio da municipalidade, onde conquistamos memoráveis vitórias e títulos, o São Paulo, com o time completamente reserva, bateu o Corinthians, com o time completamente titular, por 3 a 1, de virada, e ainda teve direito a “olé”. Isso provou que não precisamos de time titular para ganhar do time da Marginal Tietê.

Confesso que fiquei muito revoltado quando soube, por volta das 15h40, que o São Paulo não tinha levado um titular sequer para o Pacaembu. Ney Franco enganou todo o mundo. A princípio disse que apenas Rhodolfo e Denilson seriam poupados; depois que conversaria com Jadson e o pouparia, colocando Ganso desde o início. Mas fez tudo diferente enganando a todos.

Quando João Filipe fez aquela besteira, entregando o gol para o Corinthians, lembrei do primeiro turno e imaginei: vamos virar. Lembram-se como foi? Paulo Assunção fez uma besteira e entregou uma bola para o Corinthians, que fez um a zero. Depois Luis Fabuloso Fabiano se encarregou do resto e virou o jogo para o Tricolor.

Hoje não tinha Luis Fabiano, nem Lucas, nem Wellington, mas tinha um Casemiro que era um gigante em campo, um Ganso que está entrando em forma e um Maicon que resolveu jogar tudo o que pode hoje. Ainda contou com Edson Silva sem falhar, Douglas preciso, Cícero esforçado e muita, mas muita vontade de jogar e vencer o jogo.

Assim Ganso meteu uma bola perfeita para Douglas empatar; assim Ganso tabelou com Maicon e deixou que ele marcasse um golaço; assim Willian José enxergou Maicon arrancando para o contra-ataque e fez o terceiro gol; assim o São Paulo perdeu inúmeros contra-ataques, que poderiam redundar numa sonora goleada sobre o Corinthians. Aliás, se bem me lembro, já faz algum tempo que não perdemos do Corinthians.

Me desculpem a falta de modéstia, mas se o Chelsea quiser nós mandamos esse time B para jogar lá, por eles. É título na certa.

Quanto a Ney Franco, não sei se coube a ele a decisão ou se recebeu ordem da diretoria. Mas é fato que acertou. Claro que se tivesse perdido estaria sendo criticado aqui. Mas não foi o caso. Por isso merece o destaque.

Agora é Sul-Americana. Vamos ganhar lá, na Bombonera e sacramentar o título em nossa casa, o Morumbi. Vai lá, vai lá, vai lá, vai de coração, vamos, São Paulo, vamos São Paulo, vamos ser campeões!

Um comentário em “Não precisa do time titular para ganhar do Corinthians

  1. Boa Noite Tricolores
    Que beleza. está de volta o famoso expressinho (os sao paulinos mais antigos, entendem bem disto)
    Estou muito preocupado com um possivel assédio da direção do Chelsea, na tentativa de comprar nosso expressinho para representá-los no mundial

    Saudações /Tricolores

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*