Willian José faz seis gols e ofusca equipe de Luis Fabiano em treino

O atacante Willian José foi o grande destaque do treino técnico na manhã desta sexta-feira, no CT da Barra Funda. Com seis gols, o reserva do São Paulo foi o diferencial para a virada sobre o time adversário, comandado por Luis Fabiano, que deixou o gramado insatisfeito.

No início da atividade, Luis Fabiano distribuiu bom humor. O camisa 9 brincou com membros da comissão técnica, o zagueiro João Filipe, o meia argentino Cañete e o atacante Osvaldo, que será seu companheiro diante do Santos, no clássico de domingo, na Vila Belmiro.

O intuito do treino era impor velocidade, mas o assistente técnico Éder Bastos o transformou em disputa. Rapidamente a equipe de Luis Fabiano abriu quatro gols de vantagem. Incentivado pelo auxiliar, porém, o time adversário reagiu, e Willian José balançou a rede três vezes.

Mais um gol de cada lado, e, em seguida, Willian José empatou. “Demos chocolate para nada. Para deixar os caras empatarem”, irritou-se Luis Fabiano, após o apito de Éder encerrando o trabalho. Diante de reclamação, o assistente aceitou acrescer dez minutos para desempate.

Luis Fabiano (duas vezes) e Ademilson marcaram no retorno ao gramado, porém Osvaldo (duas vezes) e Denilson igualaram o placar. Éder então avisou que o gol seguinte definiria o vencedor. Após veloz troca de passes no meio-campo, Willian José saiu na cara do goleiro e definiu a virada. “Esperou virarem de novo?”, perguntou o camisa 9 ao assistente.

Apesar de bastante elogiado pelos companheiros e pelo comandante da atividade, Willian José seguirá na reserva. O técnico Ney Franco confirmou que o substituto do meia-atacante Lucas, que está a serviço da Seleção Brasileira, será Osvaldo pela segunda partida seguida. A únicavaga em aberto é a do suspenso Maicon – Cícero é, no momento, o favorito a substituí-lo.

São Paulo e Santos se enfrentam às 16 horas (de Brasília) de domingo, na Vila Belmiro. O time tricolor ocupa a quinta posição do Campeonato Brasileiro, com 35 pontos ganhos, quatro abaixo da zona que garante classificação para a Copa Libertadores.

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*