Wesley nega pré-contrato com o São Paulo e se irrita com jornalistas

Destaque do jogo beneficente promovido pelo ex-jogador Narciso, na noite desta quinta-feira, em Barueri, com três gols marcados mesmo sob forte chuva (o jogo terminou 5 a 4 para o time de Narciso), o volante Wesley se irritou com jornalistas após a partida, ao ser questionado sobre seu futuro.

O jogador, que tem contrato até fevereiro com o Palmeiras, respondeu de forma brusca às perguntas sobre um suposto acerto com o rival São Paulo.

– Tenho contrato até fevereiro, os profissionais é que vão decidir – disse Wesley.

Questionado se tem algo acertado com o São Paulo, respondeu: “Não”. Diante da insistência, disparou:

– A imprensa coloca o que quer. Só quero ser feliz – disse, na saída de campo.

Depois, de banho tomado e mais calmo, Wesley retomou o assunto:

– Pode existir o interesse entre São Paulo e ele (meu empresário). Sempre fiquei focado no Palmeiras e tenho contrato com o Palmeiras – disse o volante.

– Eu sou um cara feliz. Não sei qual é o planejamento do Palmeiras, mas minha intenção é sempre de ficar. Se não tiver um acordo de ambas as partes fica mais complicado, mas vamos ver o que os profissionais vão resolver – emendou o jogador, acrescentando ainda que “com certeza” há clima para continuar no Palmeiras.

A saída de Wesley, porém, é dada como certa no Verdão. O presidente Paulo Nobre diz ter tentado várias vezes a renovação contratual com o jogador, sem sucesso. O clima de Wesley com a torcida alviverde não é nada bom: ao ser substituído por Cristaldo no empate por 1 a 1 com o Atlético-PR, no último domingo, o atleta foi xingado pelos torcedores que estavam no estádio palmeirense.

Procurado pela reportagem do GloboEsporte.com, um dos empresários do jogador, Hugo Garcia, se negou a comentar o atual status do atleta e disse que quem deve se posicionar sobre o caso é o clube. O técnico Dorival Júnior defendeu Wesley publicamente em diversas oportunidades – eles trabalharam juntos no Santos em 2010 -, mas, com a saída do comandante, a permanência do volante se tornou ainda mais improvável.

 

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.