Vice do São Paulo afirma que Tricolor já chegou ao limite por Ganso

A diretoria do São Paulo prometeu esperar o San-São deste domingo para reativar as negociações com o Santos para acertar a transferência do meia Paulo Henrique Ganso para o Morumbi. No entanto, o vice-presidente de futebol do Tricolor, João Paulo de Jesus Lopes, avisa que o clube já chegou ao seu limite e não aumentará a proposta de cerca de R$ 30 milhões por 100% dos direitos econômicos do jogador – o Peixe detém 45%, o grupo DIS é dono da fatia restante – 55%.

– Já fizemos o que deveríamos ter feito para ter o Ganso. Bela proposta. Não há nova proposta. Todo negócio, não só no futebol, envolve avaliações e interesses. Chegamos à conclusão de que atingimos nosso limite de possibilidades. Se continuássemos insistindo, criaríamos uma situação constrangedora com a diretoria do Santos. Não temos intenção de mexer ou modificar o que já foi proposto – disse o cartola, em entrevista à Rádio Globo, neste domingo, na Vila Belmiro, momentos antes do clássico San-São.

O Santos já rejeitou duas ofertas do Tricolor. O time da Vila Belmiro afirma que só liberará Ganso Paulo Henrique Ganso pela multa rescisória, que é de R$ 53 milhões. Apesar de João Paulo de Jesus Lopes negar uma nova proposta, membros da cúpula tricolor afirmam que o clube estuda a possibilidade de aumentar a proposta e pagar R$ 23,8 milhões apenas para o Santos, valor correspondente a 45% da multa rescisória.

No início da novela Ganso, João Paulo de Jesus Lopes negou o interesse do São Paulo em contar com o jogador santista em entrevista ao Arena SporTV. No entanto, horas depois, o time do Morumbi confirmou ter feito uma proposta pelo meia. Por isso, as negociações devem continuar apesar de o Tricolor oficialmente ter chegado ao seu teto.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*