Sidão diz que 2017 serviu de alerta para erros não serem repetidos

Em 2017, o São Paulo se viu eliminado de três competições em aproximadamente um mês. Justamente entre abril e maio do ano passado, o tricolor caiu no Campeonato Paulista, na Copa do Brasil e na Copa Sul-Americana. Nessa quarta-feira, a equipe conquistou a classificação no torneio continental e evitou o déjà vu. Com o alívio da vitória, em cima do Rosario Central, o goleiro Sidão revelou que chamou atenção do elenco durante a preparação para o confronto com os argentinos.

“Nós lembramos isso durante a semana, nós jogadores nos reunimos e eu acabei lembrando disso aí, que no ano passado o ano ficou bem ruim para o São Paulo a partir daquele momento em que nós fomos eliminados em cerca de um mês de três competições, a pressão aumentou muito, então, lembrei a rapaziada que estava ano passado e alertei o pessoal que chegou agora, que não participou daquilo. O ano ficaria bem ruim para nós se não classificássemos”, disse, em entrevista na zona mista do Morumbi.

Apesar da clara satisfação, Sidão reconheceu os momentos de drama durante o duelo com o Rosario. Pouco antes de Diego Souza abrir o placar, inclusive, o goleiro tricolor pensou que tivesse levado gol de Pereyra, em chute rasante no seu canto esquerdo, depois de cruzamento para trás, já dentro da área.

“A bola rolada para trás, né? O cara chegou batendo… Me joguei ali, eu até achei que tinha sofrido o gol, mas graças a Deus foi para fora e a gente saiu classificado”, lembrou, com o sorriso preso e despreocupado se a equipe não teve uma atuação brilhante nessa quarta.

“Hoje a gente jogou pelo resultado. Em alguns outros jogos a gente até desempenhou um bom futebol e o resultado não veio, então, hoje o mais importante era sair classificado. Jogo sul-americano é mais difícil apresentar um jogo plástico, um jogo bonito pela pegada que o jogo oferece. Hoje o mais importante era o resultado mesmo. A gente corrige no Brasileiro um futebol mais bonito”.

Com a parada para a Copa do Mundo prestes a chegar e a janela de transferências se aproximando, mais uma vez o São Paulo pode sofrer com a saída de peças importantes do elenco. Sidão viu o estrago que isso causou no ano passado e espera que o grupo seja mantido nessa temporada para que o time tenha condições de almejar objetivos grandes.

“A gente está pegando um entrosamento agora, chegou muita gente esse ano, mas infelizmente é inevitável essa janela de meio de ano, infelizmente alguém vai sair, mas o que a gente tem aqui está de muito agrado para nós, temos elenco para disputar o título do Brasileiro”, concluiu o goleiro.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

3 comentários em “Sidão diz que 2017 serviu de alerta para erros não serem repetidos

  1. Serviu de alerta mas os erros continuam os mesmos, so mudou as moscas o coco continua o mesmo, só pq passou por esse timinho argentino em crise e sem treinador ja estao se achando, desse jeito que vem sendo escalado, jogando e sendo mal substituido nao vai muito longe logo sera eliminado.
    E depois das 2 expulsoes se tivesse mais 10 minutos tinhamos levado o empate que nos deixaria de fora.

  2. ESTA É MAIS VEIA DOQUE MINHA AVÓ,O TIME NÃO ESTÁ JOGANDO MERDA NENHUMA DESDE O ROGÉRIO CENI,E AGORA VEM COM PAPO FURADO,NEM NO JARDIM DE INFANCIA,ESTA COLA NÃO PASSA,É MUITA CARA DE PAU !!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*