Sem Ganso e Lugano, Bauza arma São Paulo com Rogério e Centurión

Como já era esperado, o técnico Edgardo Bauza mudará novamente o São Paulo, desta vez para encarar o Mogi Mirim, nesta terça-feira, no Pacaembu – jogo adiado da terceira rodada do Campeonato Paulista. Com relação ao time que iniciou na derrota de 1 a 0 para a Ponte Preta, no último sábado, são quatro mudanças. Saem Lugano, Wesley, Ganso e Michel Bastos e entram Rodrigo Caio, Carlinhos, Rogério e Centurión.

Das trocas, apenas Michel Bastos é desfalque, já que sofreu um estiramento na coxa direita contra a Ponte e ficará afastado. O retorno de Rodrigo Caio na vaga de Lugano já era esperado. A surpresa maior fica por conta de Rogério novamente escalado centralizado, fazendo a função de Ganso na armação, enquanto Centurión cai pela direita e Carlinhos, pela esquerda.

Na atividade tática desta segunda-feira, Bauza ensaiou a formação no tradicional treino fantasma, em que ficam em campo apenas os 11 titulares, sem adversários. A formação inicial era: Denis, Bruno, Maicon, Rodrigo Caio e Mena; Hudson, Thiago Mendes, Centurión, Rogério e Carlinhos; Calleri.

O técnico ensaiou as jogadas por cerca de uma hora e depois deu atenção às bolas paradas. Novamente exigiu muito dos jogadores no posicionamento defensivo e ofensivo. Esse fundamento tem sido uma arma do time nas últimas partidas.

O São Paulo tenta se reabilitar no Paulista após perder para a Ponte Preta, o jogo começa às 20h30. A equipe está na segunda colocação do grupo C, com 10 pontos, três a menos do que a Ferroviária. O Tricolor, porém, tem um jogo a menos.

Fonte: Lance

Um comentário em “Sem Ganso e Lugano, Bauza arma São Paulo com Rogério e Centurión

  1. Centuion de novo????
    Ele eh jogador para o 2º tempo!!!

    Rogério como armador?????
    Melhor colocar o Carlinhos e ele aberto nas longas!!!

    Esse técnico eh muito burro!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*