São Paulo quer Hudson, mas volta de volante não depende só do clube

O São Paulo sonha com o retorno do volante Hudson em 2018. Dispensado por Rogério Ceni, o jogador acabou envolvido em troca com Neilton no começo do ano. Enquanto o meio-campista se deu bem em Minas e acaba de conquistar o título da Copa do Brasil, o atacante foi um enorme fiasco no Morumbi – rescindiu seu contrato em maio e se transferiu para o Vitória.

Para ter Hudson de volta, o Tricolor espera que o Cruzeiro não efetue o pagamento da multa rescisória estipulada em contrato. O valor é de € 1,5 milhão (R$ 5,7 milhões). Como haverá eleição presidencial na Raposa (dia 2 de outubro) e caberá à nova diretoria decidir se o negócio vale a pena ou não, o São Paulo não tem como adiantar o caso. Resta esperar.

Hudson se deu bem no Cruzeiro e conquistou o título da Copa do Brasil (Foto: Washington Alves/Light Press)

Hudson se deu bem no Cruzeiro e conquistou o título da Copa do Brasil (Foto: Washington Alves/Light Press)

A volta do meio-campista ao Tricolor é considerada importante porque Jucilei tem poucas chances de permanecer no Morumbi na próxima temporada. O jogador está emprestado até 31 de dezembro e seus direitos pertencem ao Shandong Luneng. Não existe valor fixado em contrato e, no entender dos cartolas são-paulinos, a pedida dos chineses praticamente inviabiliza o negócio.

Procurado pela reportagem do GloboEsporte.com, o empresário de Hudson, Luciano Couto, disse que vai aguardar a definição dos clubes.

– O Hudson, hoje, é jogador do Cruzeiro e está muito feliz. Tem contrato até o fim do ano. Mas é jogador do São Paulo e, se tiver que voltar, também voltará feliz. O Hudson ganhou visibilidade no São Paulo, foi capitão do São Paulo. Vai aguardar o que as duas diretorias vão definir.

Hudson se destacou defendendo o Botafogo de Ribeirão Preto no Campeonato Paulista de 2014. Acabou contratado pelo São Paulo em abril daquele ano. No total, disputou 121 partidas e marcou cinco gols. No fim de 2016, o jogador acertou a renovação de contrato por mais duas temporadas com a equipe do Morumbi.

6 comentários em “São Paulo quer Hudson, mas volta de volante não depende só do clube

  1. Continua sendo uma bosta de jogador, volante que não é capaz de avançar com a bola nem finalizar. Só passa para trás. Espero que não volte nunca mais. O Cruzeiro é uma bosta de time e não devemos nada para eles em termos de elenco ou técnico. Ganhou a Copa do Brasil porque soube jogar fechado.

  2. vejo q está bem no cruzeiro no SP jogou bem na libertadores do ano passado, e no inicio de SP, depois mais decepções…. ou seja não acho q fará falta…

  3. Melhor que o Cruzeiro exerça sua opção de compra. Bom pra todo mundo: para o jogador, por ter se encontrado na raposa e jogar a Libertadores; pro Cruzeiro, que tem um jogador motivado, que se mostrou importante nos jogos mais difíceis e para o S.Paulo, onde o jogador não vai ter as mesmas condições que tem em Minas e poderá ser mal recebido pela torcida, por receber uma boa grana que pode ser usada para a contratação de um volante diferente…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.