São Paulo insiste em Colmán e quer levar centroavante para a Flórida

O São Paulo fará nesta quarta-feira nova tentativa junto ao Nacional, do Paraguai, pelo atacante Cristian Colmán. Motivada pelo insucesso de um grupo de investidores, que ainda não conseguiu encaixar o jogador no futebol europeu, a diretoria vai reiterar a intenção de contratá-lo.

A comissão técnica gostaria de incluir Colmán na viagem da próxima sexta-feira, para os Estados Unidos, onde a equipe fará pré-temporada e disputará o Torneio da Flórida. Os dirigentes, entretanto, não podem garantir a velocidade nem o final feliz da negociação.

Em dezembro, o Tricolor ofereceu US$ 1,1 milhão (R$ 3,6 milhões) por 50% dos direitos econômicos do atacante. A outra metade continuaria com os investidores. A negociação estava praticamente concluída até que esses empresários frearam, em busca de outro mercado.

Colmán é o camisa 9 encontrado por Rogério Ceni e o departamento de análise, composto por Luis Felipe Batista e Raony Thadeu. Diante das dificuldades orçamentárias do clube, a alternativa mais econômica foi analisada pelo novo técnico por mais de uma semana. Aos 22 anos, o jogador manifestou interesse em defender o São Paulo, mas a negociação se arrastou.

Um atacante com essas características é considerado essencial por Ceni, que, por enquanto, tem apenas Gilberto e o jovem Pedro na função. O argentino Chávez atuou por quase todo o segundo semestre como centroavante, mas o treinador entende que ele pode render mais pelo lado.

 

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*