São Paulo fecha treinos no CT, mas abre para 15 mil no Morumbi

O São Paulo decidiu cercar de mistério a semana que antecede ao clássico contra o Palmeiras, neste domingo, às 16 horas (de Brasília), no Palestra Itália, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O clube informou aos jornalistas nesta quarta-feira que os treinamentos de quinta à tarde e sexta de manhã serão abertos apenas parcialmente à imprensa, com 15 minutos liberados para imagem. Após esse período, os profissionais terão de deixar as dependências do CCT da Barra Funda. Nesses dias, porém, as tradicionais coletivas de imprensa acontecerão normalmente.

Desde que assumiu o comando técnico do Tricolor, no começo de julho, Dorival Júnior não havia imposto maiores restrições ao trabalho dos jornalistas. Mesmo quando proibia a gravação de imagens, a imprensa tinha autorização ao menos para acompanhar a atividade presencialmente.

No treino da manhã desta quarta, o técnico Dorival Júnior armou o time titular com a seguinte formação: Sidão; Buffarini, Arboleda, Rodrigo Caio e Edimar; Petros; Marcos Guilherme, Jucilei, Hernanes e Cueva; Lucas Pratto. A única mudança em relação à equipe que empatou com o Avaí, no último domingo, foi o retorno do centroavante argentino, livre de suspensão, no lugar de Gilberto.

Em compensação, o treino de sábado no Morumbi, o último antes do Choque-Rei, inicialmente está “aberto para imagens”, conforme programação divulgada pela assessoria do clube.

Além disso, o São Paulo disponibilizou 15 mil lugares nas arquibancadas amarela e vermelha, para que a torcida acompanhe a atividade, que terá início às 9h30. A entrada acontecerá a partir das 8 horas e será gratuita para quem levar 1kg de alimento, exceto sal e açúcar.

“É sempre importante contar com a nossa torcida. Vimos isso nos jogos, e agora ter este apoio no treino nos trará ainda mais motivação para o clássico. Contamos com o torcedor neste momento do Campeonato Brasileiro, porque este incentivo no sábado nos dará força extra para o jogo. Tenho certeza de que iremos mais confiantes para o clássico”, afirmou o volante Jucilei.

Do outro lado do confronto, o Palmeiras também adotou o mistério. O Verdão fechou o treinamento desta quarta-feira, quando nem a coletiva de imprensa aconteceu. Na Academia de Futebol, as atividades desta quinta serão abertas apenas parcialmente aos jornalistas.

Passadas 21 rodadas do Campeonato Brasileiro, o São Paulo soma 23 pontos e é o 17º colocado, ocupando a zona de rebaixamento, portanto. Já o Palmeiras figura na quarta posição, com 33 pontos.

Fonte: Gazeta Esportiva

Um comentário em “São Paulo fecha treinos no CT, mas abre para 15 mil no Morumbi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*