São Paulo encara Pato Basquete de olho em vaga direta na semifinal

Depois de vencer o Blumenau com uma grande atuação, o São Paulo volta nesta quinta ao ginásio Antonio Leme Nunes Galvão para encerrar sua participação na primeira fase da Liga Ouro contra a equipe do Pato Basquete. Já garantido nos playoffs, a equipe agora mira terminar a etapa de classificação com a segunda melhor campanha para avançar diretamente para a semifinal.

Com os mesmos 21 pontos do Campo Mourão, o Tricolor precisa vencer o seu jogo e ainda torcer por uma derrota de Campo Mourão para o Londrina, isso porque o adversário venceu os dois confrontos diretos, primeiro critério de desempate da competição. Caso não alcance o objetivo, a equipe já está garantida na terceira colocação já que a Unifacisa, que pode chegar à mesma pontuação, perdeu os dois jogos para os são-paulinos.

De acordo com o regulamento da Liga Ouro, as duas equipes mais bem colocadas na primeira fase são dispensadas de disputar as quartas de final; já o terceiro colocado enfrenta o sexto e o quarto pega o quinto. As quartas de final são disputadas em melhor de três enquanto as demais fases são em melhor de cinco.

Ciente de que não adianta apenas torcer contra Campo Mourão se o time não conseguir cumprir sua parte em vencer o Pato Basquete, o técnico Claudio Mortari projeta uma equipe agressiva e com a mesma eficiência apresentada na convincente vitória sobre o Blumenau na última terça-feira.

“Infelizmente perdemos os dois jogos para o Campo Mourão em partidas muito equilibradas e agora eles têm a vantagem caso empatem conosco em número de pontos. Então a nós cabe fazer o que está ao nosso alcance e ganhar nossa partida. Se a sorte jogar ao nosso lado e conseguirmos essa segunda vaga, será excelente, caso contrário vamos encarar as quartas de final sem problema algum”, ponderou o treinador.

Para Mortari, se a equipe conseguir repetir o desempenho apresentado especialmente no terceiro quarto do último duelo (o Tricolor marcou 34 pontos e teve quase 80% de aproveitamento nos arremessos), será difícil tirar o resultado positivo dos são-paulinos, que venceram cinco dos seis jogos realizados no Morumbi.

“É claro que é muito difícil repetir um desempenho absurdo como aquele em termos de aproveitamento, mas o maior segredo ali foi que entramos concentrados e sabendo o que deveríamos fazer. Precisamos manter este nível de concentração

 

Fonte: Site Oficial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.