Rodrigo Caio exalta Bauza e crê em título do Audax contra o Santos

Edgardo Bauza enfrentou certa resistência no início de seu trabalho no São Paulo, mas já conquistou os jogadores. De acordo com Rodrigo Caio, o fato de o treinador ter ousado ao deixar Ganso na reserva diante do Strongest, além de também ter confiado em Centurión para a partida contra o Toluca, é uma forma que o argentino tem de manter o grupo sempre atento e com expectativa de jogar.

“Fortalece muito o grupo, mostra que a oportunidade pode surgir a qualquer momento. Aconteceu isso várias vezes, ficamos felizes porque mostra que o grupo é forte e está preparado para ajudar. Nesse momento importante, está sendo visto por todos o trabalho dos treinamentos”, apontou o jogador.

Para ele, o necessário agora é que os são-paulinos não se deslumbrem com o resultado de 4 a 0 obtido diante dos mexicanos. Negando-se a dar como definida a eliminatória, o defensor confirmou que Patón não tem dado brecha para os são-paulinos cantarem vitória antes da hora.

“O professor vem falando bastante conosco, principalmente depois do jogo, no vestiário. Não tem nada ganho, temos mais 90 minutos e a melhor forma de aproveitar essa vantagem é se concentrar e fazer um grande jogo também lá no México. Tem que manter esse foco para, se tudo der certo, chegar na final”, apontou.

Focado apenas na Libertadores, o defensor reconheceu que a saída do Paulista acabou sendo benéfica por dar mais tempo de treinamento ao elenco. Apesar de lamentar a chance de título desperdiçada, ele vê no Osasco Audax, algoz nas quartas de final, um time capaz de derrotar o Santos e levar o caneco.

“Com certeza é possível, eles (Audax) mostraram contra nós, vêm mostrando desde um, dois anos atrás que são um time muito bem montado. Individualmente não tem muito 1 contra 1 forte, mas o coletivo é bastante forte. Acredito que têm todas as condições. É um time que venceu dois favoritos já, será uma grande final”, encerrou o jogador.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.