‘Passado e perplexo’ com a arbitragem, Aidar envia ofício à CBF

O erro do auxiliar Kleber Lúcio Gil na partida entre São Paulo e Internacional, no qual o profissional validou um gol impedido do zagueiro Paulão, segue rendendo assunto no Tricolor Paulista. Nesta sexta-feira, o presidente do clube, Carlos Miguel Aidar, confirmou que enviou uma reclamação formal à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e à Federação Paulista de Futebol (FPF) pelo erro. Segundo o mandatário, o equívoco cometido pelo trio de arbitragem prejudicou a equipe na corrida pelo título do Campeonato Brasileiro.

– Foi um erro muito grave. Na hora eu vi o impedimento. Fiquei passado, perplexo… Mandei um email ao Del Nero (presidente da FPF), ao Marin (presidente da CBF) e aos demais dirigentes. Sei que na prática isso não vai trazer os dois pontos de volta, mas é para registrar uma posição de insatisfação do clube com a arbitragem daquela partida – disse Aidar, que reclamou do erro em um jogo decisivo.

– Erros acontecem, também já fomos beneficiados por uma arbitragem ruim, mas o momento em que este erro aconteceu é ruim. Ficaríamos muito próximos do Cruzeiro caso vencêssemos aquele jogo. Quando acontece isso em um jogo desse, tem um efeito psicológico muito grande. Os atletas ficaram muito nervosos. Desconcentra! – afirmou.

Aidar, inclusive, pediu na reclamação enviada à CBF que o árbitro Heber Roberto Lopes não trabalhe mais em jogos do São Paulo. Segundo ele, os erros do árbitro vêm desde o clássico contra o Corinthians, em setembro deste ano.

– Se possível, gostaríamos disso, sim. Ele, acompanhado dos auxiliares que ficam atrás dos gols, já cometeu erros bem graves contra o São Paulo no clássico. Penso que seria bem melhor se evitássemos isso – concluiu.

Fonte: Lance

2 comentários em “‘Passado e perplexo’ com a arbitragem, Aidar envia ofício à CBF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*