Notas dos jogadores

Renan: sem culpa nos gols e uma boa defesa. 6

Buffarini: lutador, mas limitadíssimo. 4

Maicon: perfeito. 10

Rodrigo Caio: quase perfeito. 9,5

Junior Tavares: está se complicando na marcação defensiva. 5

Jucilei: continua sendo ponto de equilíbrio, mas não pode jogar sozinho. 6

Thiago Mendes: perdido, sem saber se era ponta, meia, volante ou sei lá o que. 4

Cícero: o pior jogo de sua história no São Paulo. 1

Wellington Nen: continua sendo figura completamente nula no time. 2

Lucas Pratto: não foi sua noite. 2

Luiz Araújo: outro que continua colocando as mãos na cintura quando perde a bola. 2

Thomas: entrou e não rendeu o que se esperava. 4

Araruna: rendeu mais que Buffarini. 5

Gilberto: jogou pouco tempo. Sem nota

Rogério Ceni: tem que concluir que dependemos, sim, do Cueva. 4

 

Paulo Pontes

7 comentários em “Notas dos jogadores

  1. O problema é o treinador que não sabe treinar. Esse elenco na mão do Mano Menezes, Abel e outras figuras já conhecidas estaria voando, ou ao menos, um time sólido.

  2. Waldir Albieri: dos “pernas-de-pau” que você citou, apenas o Nem jogou ontem (e o Tomas, que deveria ter entrado jogando no lugar dele, jogou pouco tempo, depois que a “vaca já tinha atolado no brejo”); portanto, não foi esse time que caiu frente ao Cruzeiro (que também não tem nenhum craque no time), tendo chutado apenas uma bola no gol adversário. O time que perdeu ontem tinha Pratto (35 milhões); Maicon (30 milhões); Rodrigo Caio; Jucilei; Jr Tavares, que falem o que quiserem mas é um dos melhores laterais esquerdo em atividade no Brasil; Buffarini (seleção Argentina 8 milhões de reais); Luiz Araujo, enfim, não é um time para jogar como jogou ontem. Acho que o grande perdedor de ontem foi, sim, o RCeni, que entrou com um lado direito capenga e jogou todo o jogo como se estivesse nos últimos minutos de uma partida (confundindo correria com velocidade) quando, pelo esquema tático apresentado pelo Cruzeiro, a posse de bola deveria ter sido cadenciada esperando o momento para dar o passe para alguém que se desmarcasse. Isto, mais passagens pelas laterais, jogadas individuais e chutes de fora da área deveriam ser tentados mas nunca aconteceram…

  3. Que não culpem o Rogério pelos resultados … A verdade é que o nosso plantel é limitadíssimo. Ou será que alguém ainda acredita que Neilton, W. Nem, Gilberto, Wesley, Tomaz, Wellington, Sidão, Denis, Douglas, Marcinho, Morato, etc. são jogadores de time grande? Vamos cair na real. Temos um time limitadíssimo e um plantel que não oferece nenhuma alternativa.

  4. Chega de desculpas, se nao esse ano vai brigar pra nao cair no Brasileiro, masnda essa corja de jogador ruim embora, Wellington Nem, Neilton, Bufarini, Dsipensaram o Hudson e ele foi o melhor em campo, isso mostra a incompetencia de quem comanda, manda esse Wellington Nem ir treinar em Cotia, Horrível o futebol desse enganador só jogou no futebol carioca pq la os times menores sao péssimos..
    Acorda Rogerio, acorda diretoria….nao deixe o time virar motivo de chacota esse ano dinovo..

  5. Até quando o Rogério vai insisitr nesse Welington Nem, cara horrivel, tropeça na bola, nao produz nada e ate agora nao mostrou pra que veio,,, Já passou da hora do Sr Rogerio saber quem serve e quem nao serve, Welington Nem horrivel, e posse de bola não ganha jogo viu seu tecnico, arrogante.

  6. Mais um time patético que não vai ganhar nada.

    Mais um ano em branco.

    Luiz Araújo já acabou. Já começou aquela coisa de namorar modelo, fama, etc. Desde quando isso começou, o futebol acabou.

    Wellington Nem é um jogador horrível e sem inteligência nenhuma em campo.

    Pode esquecer. 2017 vai ser mais um ano sofrível e vai perder no domingo também.

    A rotina do SPFC nos últimos anos é essa, infelizmente.

    Enquanto nada não mudar radicalmente na gestão do clube, continuará isso.

    Time de pipoqueiros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*