Ney Franco deve aumentar “pegada” para proteger a pior defesa entre os dez primeiros

O São Paulo tem a pior defesa entre os dez primeiros colocados do Campeonato Brasileiro, com 23 gols sofridos em 17 jogos – a sexta pior do torneio -, e o técnico Ney Franco deve modificar a equipe para a partida contra a Ponte Preta, neste sábado, na tentativa de reforçar o setor. Nessa, quem deve se dar bem é o volante Paulo Assunção, que deve iniciar a partida como titular com o intuito de reforçar a pegada do meio.

O treinador tricolor não confirmou os 11 titulares e deve manter o mistério até momentos antes da partida no estádio do Morumbi, mas é fato que Ney Franco irá mudar a equipe.

Elogiado pelo comandante apesar de não ter sido titular ainda, Paulo Assunção, que só atuou duas vezes e entrando durante o decorrer dos jogos, deverá ser titular ao lado de Denilson na proteção à zaga.

Assim, Ney deixaria de escalar o time no 3-5-2 e voltaria a utilizar uma linha de quatro defensores, provavelmente com Rodrigo Caio, Rafael Tolói, Edson Silva e Cortez. Porém, mesmo que mantenha os três zagueiros (João Filipe, Tolói  Edson Silva), a ideia de Ney é aumentar o poder de marcação.

“O Paulo entrou em dois jogos, um foi improvisado na marcação e foi bem na minha avaliação. Dentro das minhas dúvidas, ele tem possibilidade real de começar contra a Ponte”, afirmou Ney.

De acordo com o Datafolha, o São Paulo é um alvo fácil para os adversários. O time tricolor é o segundo que menos desarma no Brasileirão, com apenas 100,6 botes por partida. Além disso, é a equipe que mais sobre finalizações no campeonato, com 14,2 por rodada.

Ney Franco admite que esperava ver a equipe com melhor rendimento após os dez primeiros jogos sob o seu comando – cinco derrotas, um empate e quatro vitórias.

“Imaginava que estaríamos em uma situação melhor, sim, com números melhores. Isso em função do clube e do potencial do elenco. Espero conseguir uma arrancada com esse jogo da Ponte”, analisou o treinador, que falou que o time tem sofrido muito com desfalques por lesão e suspensão, além de erros individuais dos jogadores.

“Quando a falha é tática, é do treinador. Se for técnica, é dos jogadores. E temos errado mais individualmente, já que fizemos bons jogos taticamente com os mesmos jogadores, atuando fora ou em casa”, afirmou Ney.

Fonte: Uol

Um comentário em “Ney Franco deve aumentar “pegada” para proteger a pior defesa entre os dez primeiros

  1. O NEI FRANCO PRECISA APRENDER MAIS DE FUTEBOL, SE A DEFESA NÃO MARCA TIRA O DENILSON QUE NÃO MARCA, NÃO APOIA, NÃO FAZ COBERTURA DE NINGUEM, NÃO ATACA, NÃO CHUTA A GOL, EM RESUMO ELE NÃO FAZ NADA EM CAMPO, ESTÁ NA HORA DE SAIR DO TIME E VAMOS VER SE O TIME NÃO MELHORA. OUTRO QUE DEVERIA SAIR É O RODOLFO E TAMBÉM O DOUGLAS E ATÉ O CORTES, NENHUM DELES MARCA O ADVERSÁRIO,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*