Muricy, sobre opções na frente: “Ruim é quando você olha e não vê nada”

No triunfo sobre o Vitória por 3 a 1, Paulo Henrique Ganso, Kaká, Alexandre Pato e Alan Kardec começaram jogando, e Osvaldo entrou no primeiro tempo. Luis Fabiano está em fase final de recuperação de um estiramento na coxa direita e, dentro de uma semana, estará à disposição da comissão técnica. Com tantos bons jogadores para poucas vagas, caberá ao técnico Muricy Ramalho resolver esse problema. E ele diz que, para um treinador, essa é a melhor situação que existe.

– Não tem problema nenhum. Ruim é quando você olha para o lado e não vê nada, vai mexer só por mexer. Isso é péssimo, não acrescenta nada. A partir daí, vai depender de cada um. Com a quantidade de jogos que temos pela frente, todos vão ter oportunidade. Quem jogar bem fica. Não me interessa quem seja, vai jogar o que aproveitar a oportunidade – afirmou o treinador são-paulino.

Muricy usou o nome do volante Denilson para explicar que não tem preferência por nenhum atleta dentro do elenco.

– Até duas ou três semanas atrás, ele não ficava nem no banco de reservas e hoje é titular. Cada treinador precisa ter uma filosofia de trabalho, e a minha é ser justo. Eu observo nos treinamentos e depois decido. E aí, o cara entra sabendo que, se for bem, fica. Se não for, sai e outro entra – disse.

Outro que ganhou pontos com o treinador foi Alexandre Pato, que no duelo diante do Vitória marcou dois gols e saiu aplaudido de campo. Para o treinador, o que está fazendo a diferença é que o camisa 11 entendeu que, além de mostrar a qualidade técnica, é preciso se doar em campo.

– O jogador não pode ficar apenas pensando que vai ficar porque é bom. Ele precisa se doar mais, e o Pato está fazendo isso. O Pato se destacou não só pelos gols, mas pela movimentação, por ter roubado bolas. Ele precisa entender e está entendendo que o futebol mudou. Se ele continuar assim, não sai do time.

 

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*