Jadson elogia Autuori, mas admite: ‘Estamos correndo um pouco mais’

Muricy precisou de apenas três jogos para transformar o ambiente entre os jogadores e o desempenho do São Paulo no Campeonato Brasileiro. Apesar dos elogios a Paulo Autuori, antecessor do treinador no clube, o meia Jadson reconhece que a postura dos jogadores também mudou bastante para obter as três vitórias consecutivas e sair da zona do rebaixamento.

– O Paulo é um cara muito honesto, profissional e que conhece muito de futebol. Ele não conseguiu os resultados e isso pesou na saída dele. Nós gostávamos dele. Com o Muricy, estamos nos doando um pouco mais. Estávamos nos doando antes também, mas com o Muricy estamos correndo um pouco mais. Sabemos da necessidade de vencer e vamos continuar brigando para conseguir – afirmou.

O armador reconhece que o clima estava carregado em virtude dos maus resultados. Autuori desembarcou no Morumbi como salvador, mas não acumulou bons números. Em 17 partidas, perdeu dez, empatou quatro e venceu apenas três. Muricy atingiu os mesmos triunfos em apenas três rodadas.

– A chegada do Muricy mudou muita coisa no ambiente. Ele viu que estava um ambiente triste e deu confiança aos jogadores. Cada um está tentando buscar seu espaço. Essa concorrência acabou até ajudando o grupo a sair dessa situação. Todo mundo está treinando forte e querendo mostrar nos treinos e jogos – ressaltou.

A arrancada tirou o São Paulo do grupo dos quatro piores, agora com 27 pontos. No domingo, o Tricolor enfrenta o Goiás, às 16h, no estádio Serra Dourada, em Goiânia.

– Quando você está na zona do rebaixamento é complicado lidar com a pressão e a cobrança. Mas, depois de três vitórias, a equipe conquistou a confiança do elenco, dos torcedores e da diretoria.

 

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.