Gonzalo e Moisés conseguem efeito suspensivo e podem jogar Choque-Rei

São Paulo e Palmeiras conseguiram efeitos suspensivos que ampliam suas opções para o clássico deste sábado, no Pacaembu. Anteriormente suspensos pelo Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD-SP), Gonzalo Carneiro, do Tricolor, e Moisés, do Verdão, estão liberados para o Choque-Rei.

Tanto o atacante uruguaio quanto o meio-campista tinham um jogo a cumprir de gancho, mas o TJD-SP aceitou os recursos dos clubes. Um novo julgamento para os casos dos dois deve ocorrer já durante o mata-mata do Campeonato Paulista – o confronto deste fim de semana é válido pela penúltima rodada da primeira fase da competição estadual.Na última segunda, em sessão realizada no TJD-SP, Gonzalo Carneiro foi enquadrado no artigo 254-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva e pegou um gancho de duas partidas. O lance que levou o uruguaio ao tribunal aconteceu no dia 24 de fevereiro, contra o Red Bull Brasil, no Morumbi.

Naquela ocasião, o são-paulino deu uma entrada forte em Rafael Carioca e, aos 18 minutos do primeiro tempo, levou o cartão vermelho. Como havia cumprido suspensão automática na partida contra o Bragantino, Carneiro ficaria fora apenas do Choque-Rei deste fim de semana.

Agora, com a aprovação do efeito suspensivo, o atacante está à disposição do interino Vagner Mancini para o clássico. O jogador vem sendo utilizado com frequência pelo treinador e já realizou cinco partidas na temporada, ainda sem ter balançado as redes.

Moisés também foi suspenso na segunda-feira. O meio-campista do Palmeiras foi punido por confusão com Gustavo Henrique, zagueiro do Santos, no empate por 0 a 0 entre os clubes, no último dia 23, no Allianz Parque. Eles foram denunciados pelo TJD-SP no artigo 254-A (praticar agressão física) e poderiam pegar de quatro a 12 partidas de suspensão. Os clubes conseguiram mudar o artigo do julgamento, por isso a punição caiu para um só jogo.

O problema entre a dupla aconteceu no fim do primeiro tempo. Os dois jogadores começaram a se puxar, depois Moisés apertou o pescoço de Gustavo Henrique, que revidou com um soco no rosto do camisa 10 palmeirense. O árbitro da partida, Flávio Rodrigues de Souza, não os puniu com cartão.

O camisa 10 tem grande possibilidade de ser utilizado como titular por Luiz Felipe Scolari. O técnico deve dar descanso a Bruno Henrique, titular na vitória por 3 a 0 sobre o Melgar, do Peru, na terça-feira, no Allianz Parque, pela Libertadores. Moisés é a alternativa para atuar como segundo volante.

 

Fonte: Lance

Um comentário em “Gonzalo e Moisés conseguem efeito suspensivo e podem jogar Choque-Rei

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.