Falta de alambrado no estádio de Medellín surpreende São Paulo

A delegação do São Paulo teve uma surpresa ao chegar nesta terça-feira ao estádio Atanásio Girardot, palco da partida contra o Nacional de Medellín, quarta, às 21h50m (de Brasília), pelas quartas de final da Copa Sul-Americana. O local não tem grades para separar as arquibancadas do gramado.

Segundo a administração do estádio, nunca foram registrados problemas em virtude da falta das grades. Nem mesmo nos clássicos entre os clubes da cidade, Nacional e Independiente, um dos mais acirrados do país.

Estádio Atanásio Girardot, em Medellín, não tem grades separando arquibancadas do campo (Foto: Carlos Augusto Ferrari)Estádio Atanásio Girardot  não tem grades separando arquibancadas do campo (Foto: Carlos A. Ferrari)

Apesar de não haver proteção, a distância das cadeiras até as quatro linhas é bastante grande. Apenas nas áreas próximas à linha de fundo existem pequenas grades que não dificultariam em nada o acesso. Um gramado sintético limita a área, que ainda conta com os bancos de reservas.

O estádio Atanásio Girardot foi inaugurado em 1953 e tem capacidade para cerca de 45 mil torcedores. A expectativa da diretoria do Nacional é de que mais de 40 mil pessoas compareçam para acompanhar a disputa por uma vaga nas semifinais da Copa Sul-Americana.

 

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*