Ex-goleiro Rojas segue internado e recebe antibiótico na veia

O ex-goleiro e ex-técnico do São Paulo Roberto Rojas, que  foi internado na última sexta-feira (26) no hospital Albert Einstein, em São Paulo, com infecção urinária e dores no peito, segue hospitalizado neste sábado e sem previsão de alta, segundo informa boletim médico divulgado pelo hospital:

“O Hospital Israelita Albert Einstein informa que o Sr. Roberto Antônio Rojas Saavedra encontra-se internado em quarto comum, na Unidade Morumbi, sem necessidade de suporte intensivo. O paciente apresentou-se com quadro de infecção urinária e dor torácica. No momento encontra-se estável, consciente, orientado e permanece internado para continuidade de tratamento com antibióticos intravenosos”.

Na sexta-feira, em conversa com o canal de TV CNN Chile, Margarita Rojas, sua irmã, comentou a internação. “Ele vinha da semana passada com problemas, e ontem (quinta) foi muito complicado”, falou. “Quando conversei com ele, estava muito cansado, mas sempre foi um guerreiro. Me disse que não jogará a toalha”, completou.

Rojas trabalhou no São Paulo durante muito tempo como preparador de goleiros. Depois da saída de Oswaldo de Oliveira, ele assumiu como treinador e foi responsável por levar o clube de volta à Libertadores depois de dez anos, em 2004.

Quando era jogador, Rojas foi banido do futebol pela Fifa após simular ter sido atingido por um rojão no jogo entre Chile e Brasil pelas Eliminatórias da Copa de 1990. Ele usou uma lâmina para barbear para se cortar.

Desde 2010, Rojas luta contra uma hepatite C e busca um transplante de fígado. A expectativa é que ele passasse por essa cirurgia no começo de 2015.

 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.