Encontro de gerações: estreante Brenner ouve conselhos de Lugano

O duelo entre Atlético-PR e São Paulo promoveu um encontro de gerações no tricolor. A derrota por 1 a 0 para o Furacão, na Arena da Baixada, uniu Lugano e Brenner.

Titular e capitão no jogo, o uruguaio tem 36 anos e chegou ao Morumbi em abril de 2003, quando o atacante tinha três anos de idade. Agora, com 17, estreou no time profissional comandado por Rogério Ceni. Ele entrou aos 30 minutos da etapa final, no lugar de Cueva.

Brenner foi o primeiro jogador da história nascido nos anos 2000 a jogar pelo São Paulo. A precocidade explica-se: pelo time sub-17, ele marcou 28 gols em 18 jogos nesta temporada. No vestiário, o garoto ouviu conselhos de Lugano e conversou com o ídolo (veja nas fotos).

Lugano e Brenner no vestiário da Arena da Baixada (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)Lugano e Brenner no vestiário da Arena da Baixada (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)

Lugano e Brenner no vestiário da Arena da Baixada (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)

Os momentos de Lugano e Brenner no São Paulo são completamente opostos. O zagueiro tem contrato até o próximo dia 30 e o duelo com o Fluminense, domingo, no Morumbi, é o último jogo durante a vigência desse contrato. Ele tem proposta na mão para renovar e pretende dar uma resposta justamente até a data do duelo com o Tricolor carioca.

Brenner, por outro lado, acaba de iniciar a trajetória no time profissional. Ele foi chamado por Rogério Ceni nos últimos dias para o CT da Barra Funda e impressionou pelo desempenho nos treinos.

É provável que o jovem atacante permaneça com os profissionais pelo menos até a partida de contra o Flu. Depois disso, a comissão técnica vai analisar se ele volta a Cotia e continua jogando com mais frequência.

Fone: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*