Denilson ganha vaga e São Paulo arma ‘quadrado mágico’

Rogério Ceni, Douglas, Rafael Toloi, Antonio Carlos e Alvaro Pereira; Denilson, Souza, Ganso e Kaká; Pato e Alan Kardec. Essa foi a formação do São Paulo no treino desta quinta-feira e a que deve ser utilizada por Muricy Ramalho para encarar o Vitória, no próximo domingo, no Morumbi.

Com relação ao empate contra o Criciúma, por 1 a 1, no último sábado, as novidades são o retorno de Kaká, completando o “quadrado mágico” ofensivo, e Antonio Carlos, que estavam machucados. O meia fará sua reestreia no Morumbi após se recuperar de dores na panturrilha direita, enquanto o zagueiro volta após três jogos fora por causa de dores na panturrilha esquerda.

O treino também serviu para confirmar a ascensão de Denilson no time. Titular no último jogo, o volante foi mantido entre os 11, deixando Maicon na reserva.

Muricy comandou 50 minutos de atividade tática no CT da Barra Funda. Os primeiros 40 foram utilizados para testar a formação ofensiva do time titular, que atuava adiantado, à frente de uma linha na intermediária defensiva. Saíram dois gols no período, um de Kaká e outro de Pato.

Já os dez minutos finais foram para simular situações defensivas, com os titulares tendo de proteger a meta. Os reservas ainda conseguiram fazer um gol com Leonardo, garoto da base chamado para completar o treino dos profissionais.

Durante a atividade, o quarteto ofensivo trocou diversas vezes de posição. Ganso e Kaká ora atuaram mais recuados na armação ora como centroavante, deixando Kardec e Pato abertos. Muricy fez diversas inteferências cobrando mais empenho e posicionamento dos atletas.

O São Paulo está a três jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro e ocupa a sétima colocação do campeonato, com 20 pontos, nove atrás do

 

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*