Com o Morumbi lotado para a estreia de Ganso, São Paulo encara o Náutico

Estádio cheio para a estreia de Ganso, além da busca pela classificação à Libertadores. Esses são os ingredientes do São Paulo para encarar o Náutico, neste domingo, às 17h, no Morumbi pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com a presença do camisa 8, caso o Tricolor vença o Timbu e o Botafogo ao menos empate contra o Sport, na Ilha do Retiro, a vaga na competição continental estará assegurada.

O São Paulo ocupa a quarta posição, com 59 pontos, enquanto os pernambucanos aparecem na 13ª colocação, com 45 pontos conquistados. Para estragar a festa são-paulina, o técnico do Náutico Alexandre Gallo vai escalar a equipe em um esquema mais cauteloso.

LIBERTADORES NESSA RODADA?

Os são-paulinos já adquiriram mais de 47 mil ingressos para ver a estreia do Ganso, que começará no banco de reservas. Os bilhetes para as arquibancadas já estão esgotados. A classificação para a Libertadores também pode vir na mesma partida, caso o Botafogo empate com o Sport, na Ilha do Retiro, neste domingo, em jogo que será disputado às 19h30. O técnico Ney Franco explicou as ambições da equipe e a situação do camisa 8 para o jogo.

– Nós vamos para o jogo com dois objetivos. O primeiro é o de vencer o Náutico, uma equipe muito rápida, estamos estudando o jogo que fizeram com o Santos, na Vila. E o outro objetivo nosso é lançar o Ganso nesse jogo. Nos treinamentos estamos vendo quanto tempo ele consegue jogar, se são 15, 20 (minutos), ou um pouco mais. Independente do placar, vamos colocar porque entra a qualidade técnica do atleta. É o nosso pensamento colocá-lo em campo – declarou o técnico Ney Franco, em entrevista coletiva nesta sexta-feira.

Além da estreia do meio-campista, o treinador poderá contar com a equipe que acredita ser a ideal. O volante Wellington retorna de suspensão, enquanto Paulo Miranda volta após entorse no joelho esquerdo. Como o lateral-direito Douglas, que atuou nas últimas quatro partidas como titular está suspenso, o camisa 13 ocupará a posição.

No ataque, o quarteto formado por Jadson, Luis Fabiano, Osvaldo e Lucas está confirmado. Este último só fez atividades com o elenco nesta sexta-feira, por conta do amistoso da Seleção Brasileira diante da Colômbia, que terminou empatado por 1 a 1, na última quarta-feira, em Nova Jersey, nos EUA.

O meia argentino Cañete, que foi relacionado para o jogo diante do Grêmio, não irá para o jogo deste domingo. Ney Franco disse que não pretende levar dois jogadores (o meia e Ganso) sem ritmo de jogo para a partida. O volante Fabrício segue fazendo trabalhos para estar à disposição.

ARMA DO NÁUTICO É O CONTRA-ATAQUE

Matematicamente garantido na elite por mais um ano, o Náutico agora tenta somar pontos para garantir uma boa colocação no Brasileirão e ter uma vaga na Copa Sul-Americana de 2013. Durante a semana, o técnico Alexandre Gallo treinou posicionamento e marcação, e trabalhou basicamente jogadas de contra-ataque para surpreender o São Paulo em pleno Morumbi.

No entanto, o Timbu terá desfalques justamente na parte defensiva. Lesionado, o volante Elicarlos segue de fora da equipe, e seu reserva imediato, Dadá, está suspenso por receber o terceiro cartão amarelo na derrota para o Flamengo, nos Aflitos. Josa ficará com a vaga.

Por isto, a equipe tenta acelerar a recuperação de outro jogador no setor: o capitão Martinez. Ausente nas partidas contra Internacional e o rubro-negro carioca por uma lesão na coxa direita, o volante está revigorando sua parte física, mas tem boas chances de estar entre os titulares. Caso não inicie a partida, o jovem Helder terá uma oportunidade entre os titulares.

Confiante também nos chutes de longa distância do meia Souza, o zagueiro Jean Rolt garante que o Náutico não se intimidará com o Morumbi lotado.

– Nossa equipe tem treinado e está preparada. Temos muito respeito ao São Paulo, mas mesmo com o Morumbi lotado e a possível estreia Ganso, temos que ir marcando muito bem e fazer um bom jogo.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO X NÁUTICO

Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data/horário: 18/11/2012, às 17h (horário de verão)
Árbitro: Wagner Reway (MT)
Assistentes: Marcia Bezerra Lopes Caetano (RO) e Luis Carlos Silva Teixeira (BA)

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rafael Toloi, Rhodolfo e Cortez; Denilson, Wellington, Lucas, Jadson e Osvaldo; Luis Fabiano. Técnico: Ney Franco.

NÁUTICO: Felipe; Patric, Jean Rolt, Alemão e Douglas Santos; Josa, Martinez (Helder) e Souza; Rhayner, Rogério e Kieza. Técnico: Alexandre Gallo.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*