Com experiência de Morumbi lotado, atacante se inspira em geração 2010

O atacante Guilherme Bissoli certamente não se intimidará com a torcida durante a disputa da Copa São Paulo de 2018. Grande esperança de gols do Tricolor no torneio, o garoto de 19 anos estreou como profissional nos minutos finais do jogo contra o Bahia, que marcou a despedida de Diego Lugano num Morumbi com mais de 60 mil pessoas.

“Foi inesquecível. Estrear no profissional, no Morumbi lotado, e na despedida do Lugano, foi uma coisa que vai ficar marcada. A experiência foi muito boa, eles me receberam muito bem. Não só a mim, como os outros meninos que foram também. Vou guardar na memória isso para sempre”, rememorou.

Além de Bissoli, do grupo que disputará a Copinha, o meia Gabriel Sara entrou no decorrer do duelo válido pela última rodada do Campeonato Brasileiro. Na ocasião, o volante Liziero ainda ficou como opção no banco de reservas.

Tímido diante dos repórteres presentes no CT de Cotia, o jovem atacante revelou ter sido discreto no período em que integrou o plantel profissional.“Não tivemos tanto contato assim, não tenho tanta intimidade para brincar com eles. Mas foi bastante divertido no vestiário, com as brincadeiras e as risadas que a gente deu. Fiquei bem feliz de estar presente no dia”, contou.

Artilheiro do sub-20 tricolor na temporada, com 13 gols, Bissoli rejeita o rótulo de principal promessa da equipe na Copinha. “A força da nossa equipe é o coletivo. O importante é o grupo todo sair com a vitória, independentemente de quem faça os gols”, ressaltou.

Inspirado na geração são-paulina de 2010, campeã sob a liderança do volante Casemiro e do meia-atacante Lucas Moura, então Marcelinho, Bissoli visa manter o desempenho e usar a exposição da Copinha para ser promovido ao time comandado por Dorival Júnior no ano que vem.

“Eles foram grandes jogadores e a gente vê que a Copa São Paulo pode dar um grande pulo na nossa carreira. Ficamos com a esperança muito alta de conseguir fazer uma boa Copa e seguir em frente para subir ao profissional e ajudar o São Paulo“, projetou.

Tricampeão do torneio, o São Paulo ficará sediado em Ribeirão Preto durante a primeira fase. A equipe integra o Grupo 10, junto com o anfitrião Botafogo-SP, Sergipe e Cruzeiro-DF. Este último será o seu adversário na estreia, marcada para o dia 3 de janeiro, às 19h15 (de Brasília), no Estádio Santa Cruz.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*